Uns felizes e outros nem tanto! Pelo menos esse é o entendimento de Javier Tebas - presidente da Liga Espanhola de Futebol, que criticou o veredicto final do CAS quanto ao assunto envolvendo a UEFA e o Manchester City - que já comentamos aqui.

Tebas não gostou nada de saber que a máxima instância do esporte anulou a punição imposta pela UEFA e liberou o clube inglês a participar das próximas edições da Champions League, conforme você pode ver abaixo:

"Temos que reavaliar se o CAS é o órgão apropriado para apelar das decisões institucionais no futebol. A Suíça é um país com uma grande história de arbitragem, o CAS não está de acordo com os padrões", declarou.

Torcedor declarado do Real Madrid, Javier Tebas é um dos maiores críticos das gestões de clubes como o Paris Saint-Germain e o Manchester City, que nos últimos tempos têm investimentos árabes. Vale lembrar que o Manchester City é o adversário do Real Madrid na disputa por uma vaga as quartas de final da Champions League, no próximo mês.