Sem ainda definir uma data para a volta do futebol propriamente dito em campo, os organizadores da LaLiga após o sinal verde do governo espanhol já se encaminham para a retomada do campeonato nacional, que deverá ocorrer na segunda semana de junho e muito provavelmente no dia 11 do referido mês - uma quinta-feira.

Tomando todas as medidas de precaução, os clubes só poderão retomar ao treino completo a partir do dia 1º de junho; assim sendo, essa semana ainda servirá para os jogadores treinarem em grupos de até 14 pessoas, o que não permite realizar um coletivo.

Para Javier Tebas - presidente de LaLiga, o mesmo espera que a primeira partida da retomada do futebol no país seja marcante, uma vez que poderá ser um clássico entre Sevilla e Betis.

Javier Tebas - presidente de Laliga - imagem: internet
Javier Tebas - presidente de Laliga - imagem: internet

"Quando anunciarmos oficialmente a primeira partida, já saberemos as quatro primeiras rodadas por completo. E tudo dependerá das sessões de treinamento e das fases, mas gostaríamos que a primeira fosse um "grande derby", revelou ele.

Além da rodada, os organizadores ainda estão discutindo sobre os horários dos confrontos.

"Estamos com ideia de jogar à tarde ou à noite, entre as 19h30 e 20 horas ou entre 21h30 e 22 horas. No final de semana teremos três jogos, com horários diferentes: 17horas, 19h30 e 21h30 ou 22 horas. Ainda não resolvemos, estamos analisando isso com nossas emissoras. Mas obviamente, planejamos que os jogos das 17 horas sejam realizados na costa norte da Espanha, onde as temperaturas nesta época não excedem os 28 graus centígrados", finalizou o mandatário de LaLiga.

O Campeonato Espanhol está paralisado desde março, quando a pandemia do novo Coronavírus praticamente atacou o planeta inteiro de uma vez, fazendo com que o mundo praticamente parasse neste período e não somente o esporte.