Como um dos países mais atingidos pelo Coronavírus, a Espanha estuda voltar às atividades do futebol até o dia 27 de junho. Mesmo não estipulando uma "data" certa, a "LaLiga" já confirmou que as equipes da primeira e segunda divisão do futebol no país deverão retornar a campo até a data acima citada como "limite".

Sem ainda ter um dia em específico, a entidade que organiza o futebol no país em questão, não sabe também como os jogos serão realizados - se com portões abertos ou fechados ou com partidas a cada 48 horas.

Javier Tebas - presidente de Laliga.
Javier Tebas - presidente de Laliga.

O presidente da "LaLiga" - Javier Tebas comunicou aos dirigentes desses clubes que caso as competições não sejam retomadas até 27 de junho, dificilmente conseguirão encerrar a temporada 2019/2020, assim, a mesma terá que ser cancelada, o que levaria as Séries A e B na Espanha a não terem um campeão neste ano - além disso, não teríamos rebaixados e promovidos.

Mesmo com o fato de jogarem sem público incomodar alguns dirigentes (pelo lado financeiro), por outro lado a volta dos torneios no país evitaria um dano econômico muito maior ao já obtido até aqui, onde vale ressaltar que entre as partes existe um entendimento de que o término das competições é o mais importante e que a realização de partidas com portões fechados seria um mal menor.