OPINIÃO: O Cruzeiro está se esforçando para ser rebaixado

Falta de critério e firmeza nas decisões colocam o futuro de um dos maiores clubes do futebol brasileiro em xeque. Resultado pode ser um vexame histórico.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

É triste ver um dos maiores e mais tradicionais clubes do futebol brasileiro ter perdido seu rumo em tão pouco tempo. Entretanto, uma palavra pode definir tudo o que está acontecendo internamente na Raposa: Irresponsabilidade.

Primeiro que, para montar um time competitivo, é necessário ter os melhores jogadores dentro de sua realidade econômica. Entretanto, se o clube não tem condições de arcar com o custo absurdo de certos jogadores, não faz sentido ter efetuado a contratação. Logo, contratar jogadores a um custo altamente arriscado significa colocar em xeque o futuro da instituição.

Segundo que, para manter o controle em um vestiário repleto de jogadores consagrados e com renome no futebol, é necessário ter pulso firme e mostrar que quem manda no clube é a diretoria, e não os jogadores. A partir do momento em que a vontade do jogador tem influência direta nas decisões da diretoria ou na escalação dentro de campo, a chance do clube perder o rumo é a maior possível.

Cruzeiro corre sério risco de rebaixamento. (Foto:EFE/Yuri Edmundo)Cruzeiro corre sério risco de rebaixamento. (Foto:EFE/Yuri Edmundo)

E terceiro, os resultados dentro de campo chegam apenas com continuidade. É algo completamente amador analisar o trabalho de um técnico em qualquer situação com apenas 8 jogos de trabalho. Em situações tão conturbadas, é mais amador ainda. Se foi necessário efetuar a troca no comando técnico há pouco tempo e agora a mesma situação volta à tona, significa que o problema não está em quem escala, e sim em quem está sendo ( ou não) escalado.

De fato, para um clube do tamanho do Cruzeiro correr sério risco de rebaixamento, é necessário se esforçar muito. Se existe alguma cartilha para algum clube ser rebaixado, o Cruzeiro está seguindo à risca tudo o que é necessário. Parabéns aos envolvidos.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal