Clube-Empresa: dirigentes se reúnem com presidente da Câmara para debaterem sobre o assunto

O projeto apresentado na Câmara dos Deputados a respeito da proposta de clube-empresa é de autoria do deputado federal Pedro Paulo – DEM-RJ e que está sendo analisado.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Nesta última quarta-feira, dirigentes de 14 clubes - sendo seis da Série A do Campeonato Brasileiro, se reuniram com Rodrigo Maia - presidente da Câmara dos Deputados, para debaterem o assunto "Clube-Empresa".

Neste debate, foi discutido um projeto de lei que cria incentivos para que os clubes virem empresas. Estiveram presentes nesta reunião, na casa residencial oficial da Câmara, representantes do Flamengo, Corinthians, Santos, Athletico, Cruzeiro, Botafogo, Ponte Preta, Atlético-GO, Bragantino, Botafogo-SP, Gama, Vila Nova-GO, Ferroviária e São Bento.

Clube-empresa.

Os dirigentes presentes neste encontro com o presidente da Câmara dos Deputados buscaram debateram alguns pontos do projeto, bem como a previsão de cobranças de impostos regulares a todas as agremiações de futebol - sendo elas ou não empresas. Vale lembrar que nos dias de hoje, os clubes são isentos do pagamento de Confins, Contribuição Social Sobre Lucro Líquido, PIS e Imposto de Renda. Além deste assunto, os clubes também falaram sobre a necessidade de um novo refinanciamento das dívidas tributárias dos times.

O projeto apresentado na Câmara dos Deputados a respeito da proposta de clube-empresa é de autoria do deputado federal Pedro Paulo - DEM-RJ. A proposta busca que os clubes atuais sem fins lucrativos, se tornem sociedades anônimas ou limitadas, passando a ter investidores e podendo, inclusive, ofertar ações na Bolsa de Valores. O mesmo projeto ainda trata sobre a questão de um refinanciamento de dívidas com redução de 50% dos juros e pagamento em até 240 parcelas - esse mesmo porém, terá que ser apresentado a justiça e aos credores antes de ser aprovado.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal