Secretário-Geral da CBF não vê a possibilidade do brasileiro torcer por clubes estrangeiros

Feldman é secretário-geral da CBF desde maio de 2015, quando foi o presidente da entidade após a saída forçada de Del Nero (hoje banido do futebol pela FIFA), seguindo na função na atual gestão de Rogério Caboclo.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Secretário-Geral da Confederação Brasileira de Futebol não consegue entender a admiração dos nossos torcedores com os clubes de fora do país. Walter Feldman comentou durante a "Brasil Futebol Expo" das pretensões da entidade para aumentar as receitas dos clubes nacionais.

Em discurso, ele falou sobre a maneira que a CBF pretende melhorar o nível do futebol doméstico e também a forma com que está tentando vender os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro para fora do país.

Feldman

Walter Feldman - dirigente da Confederação Brasileira de Futebol, que explanou durante a "Brasil Futebol Expo".

"O mundo inteiro espera o espetáculo, não apenas da Seleção Brasileira, mas do futebol brasileiro como um todo. É inaceitável que os grandes clubes do Brasil não sejam reconhecidos lá fora", esbravejou ele.

Para acrescentar, ele ainda comentou que o futebol brasileiro tem toda a capacidade de inovação e tecnologia, com formação de conteúdo, para vender seus produtos.

"Queremos praticar aqui todo o conteúdo possível. Temos hoje a capacidade de inovação, de tecnologia, de formação de conteúdo, para vender esse produto para o exterior e trazer para os nossos clubes não apenas o reconhecimento em dimensão internacional, mas os recursos financeiros que eles têm o direito de receber e exigir. Não tem sentido brasileiro torcedor por clubes estrangeiros, muitas vezes mais do que para os próprios clubes nacionais", finalizou.

Feldman é secretário-geral da CBF desde maio de 2015, quando foi o presidente da entidade após a saída forçada de Del Nero (hoje banido do futebol pela FIFA), seguindo na função na atual gestão de Rogério Caboclo.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários