Minha Torcida Logo

2 finais, 4 clubes: a soberania do futebol inglês na Europa

Com as duas finais europeias decididas por clubes ingleses, a monopolização da liga mais rica do futebol mundial fica evidente. A Premier League assumiu o protagonismo do futebol do velho continente nesta temporada.

Por
Compartilhe

Nesta temporada, o futebol inglês surgiu como uma grande e grata surpresa para os amantes do futebol. Antes esquecido e ofuscado pelos grandes resultados internacionais dos clubes espanhóis, o futebol da "Terra da Rainha" voltou a assumir o protagonismo nas maiores competições do velho continente.

Na Liga dos Campeões, a final entre Tottenham e Liverpool será a primeira desde 2008, quando, na época, Manchester United e Chelsea definiram o título. Depois disso, a maior competição de clubes do mundo teve um clube inglês na grande decisão, em apenas 4 vezes, com o Manchester United nas temporadas 80/09 e 10/11, com o Chelsea na temporada 11/12, e o Liverpool, na temporada passada. A dinastia do futebol espanhol na Liga dos Campeões certamente ofuscou o sucesso dos clubes da Premier League.

Tottenham e Liverpool farão a grande final da Liga dos Campeões.(Foto: Sports Illustrated)Tottenham e Liverpool farão a grande final da Liga dos Campeões.(Foto: Sports Illustrated)

Esta temporada, porém, reservou algo histórico: Será a primeira vez na história que as duas finais europeias (Liga dos Campeões e Europa League), serão totalmente inglesas. Isso porque, Chelsea e Arsenal irão disputar a final da Europa League, que é a competição secundária da UEFA.  Isso já aconteceu com o futebol espanhol, em 2007 e 2012, com Espanyol e Atlético de Madrid sendo campeões, respectivamente. 

Esta monopolização das grandes finais do futebol europeu pode estar significando uma nova era no velho continente, retomando um protagonismo que, de certa forma, foi esquecido por algum tempo, visto que a final da Liga dos Campeões não terá um clube espanhol depois de 5 temporadas. Tudo isso demonstra o feito alcançado por um país que tem a liga nacional mais disputada do mundo, mas que não conseguia provara sua qualidade no continente. 

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais