Alemanha se mantém na liderança do ranking da FIFA

Brasil segue na vice-liderança - o grande destaque para o ranking de fevereiro vai para a Islândia, que aparece no TOP 20.

Por
Compartilhe

A FIFA divulgou nesta quinta-feira o novo ranking mundial de seleções, por sua vez, a Alemanha se manteve na liderança, seguida pelo Brasil e Portugal, na segunda e terceira colocação respectivamente.

Na listagem de fevereiro, a Alemanha soma 1.602 pontos, contra 1483 da nossa seleção, já a seleção do craque Cristiano Ronaldo, soma 1358; na quarta colocação vem à Argentina, de Lionel Messi, seguida por Bélgica, Espanha, Polônia, Suíça, França e Chile.

Como podemos perceber a nova listagem teve poucas mudanças comparadas a de janeiro, a grande mudança mesmo vem dentro do grupo das 20 mais bem colocadas, onde a seleção da Islândia subiu da 20ª para a 18ª, deixando seleções como Suécia e País de Gales para trás, na 19ª e 20ª respectivamente no ranking.

Se o leque for aberto um pouco mais – digamos assim, dentro das 50 melhores seleções, a Venezuela foi uma das seleções mundiais que mais se destacou, subindo quatro posições, ocupando atualmente a 48ª colocação – outra que também aparece no TOP 50, é a seleção da Hungria, que agora ocupa a 49º lugar; fechando as 50 mais, vem a Jamaica, que teve a mesma evolução que a seleção húngara. A próxima atualização do “ranking da FIFA” será publicada no dia 15 de fevereiro.

Alemanha segue no topo do ranking da FIFA no mês de fevereiro.Alemanha segue no topo do ranking da FIFA no mês de fevereiro.

Confira agora o TOP 10 do ranking da FIFA:

1º - Alemanha – 1.602 pontos;

2º - Brasil – 1.484 pontos;

3º - Portugal – 1.358 pontos;

4º - Argentina – 1.348 pontos;

5º - Bélgica – 1325 pontos;

6º - Espanha – 1.231 pontos;

7º - Polônia – 1.213 pontos;

8º - Suíça – 1.190 pontos;

9º - França – 1.183 pontos;

10º - Chile – 1.153 pontos.

A contagem para a nova listagem do ranking de seleções da FIFA só levou em conta a realização de 34 amistosos internacionais, sendo 28 deles ocorridos na África.

Mais sobre: ranking fifa alemanha
Comentários