Valtteri Bottas largou na frente e se manteve na pole no treino formato sprint realizado por 18 voltas no sábado para o GP de Monza na Itália. Com isso, ele larga na frente da corrida deste domingo.

O formato sprint formou o grid de largada numa "mini-corrida", novo formato em testes da F1 para aumentar a atratividade da classificação. Retas longas e altíssimas velocidades tornam Monza um dos melhores circuitos da temporada para os espectadores. Ultrapassagens ocorrem com frequência e devem tornar o GP interessante mais uma vez.

Com duas vitórias seguidas de Max Verstappen da Red Bull Racing, o piloto neerlandês voltou à liderança do Mundial de Pilotos, com Lewis Hamilton em sua cola, separados atualmente por apenas 3 pontos: 224,5 contra 221,5, respectivamente.

O GP da Itália terá 53 voltas programadas no tradicional autódromo de Monza, que está no calendário da Fórmula 1 desde 1950, ano de estreia da categoria. Na última corrida, em 2020, tivemos um final surpreendente, com a vitória de Pierre Gasly da Alpha Tauri, seguido por Carlos Sainz, então na McLaren; e Lance Stroll, na extinta Race Point - hoje Aston Martin.

Lembrando que na corrida do ano passado em Monza os dois concorrentes ao título foram mal. Lewis Hamilton chegou na sétima posição e Max Verstappen nem pontuou.

GP de Monza teve treino Sprint

Neste ano, o GP da Itália trará um ingrediente a mais para os fãs da Fórmula 1. Tivemos pela segunda vez na temporada o grid de largada sendo definido pelo denominado Sprint, que nada mais é que uma corrida curta de meia hora para a definição do grid da corrida no domingo. A mini-corrida substituiu o treino.

Assim, o grid de largada ficou com Bottas na pole e Max Verstappen fechando a primeira fila. Ricciardo e Norris fazem a segunda fila e Hamilton é ó 5º. Em 6º aparece Leclerc da Ferrari e Sainz em 7º. Giovinazzi, Perez e Stroll fecham os 10 primeiros.

.

Horários e transmissão do GP da Itália

Confira o calendário com os horários da corrida deste fim de semana:

Sexta-Feira - 10 de setembro

  • 09h20 - Treino Livre 1 - BandSports
  • 12h50 - Classificação para o Sprint - BandSports

Sábado - 11 de setembro

  • 06h50 - Treino Livre 2 - BandSports
  • 11h - Treino Sprint - Band, BandSports, Bandplay e site da Band

Domingo - 12 de setembro

  • 10h - GP da Itália - Band, Bandplay e site da Band
  • 21h - VT da Corrida - BandSports

Troca de pilotos

A notícia da semana foi a ida de George Russell para a Mercedes em 2022. Ele vai substituir Valtteri Bottas no próximo ano e será companheiro de Lewis Hamilton. Bottas deve ir para a Alfa Romeo, onde ocupará o lugar do aposentado Kimi Raikkonen. Outra mudança será Alex Albon que se juntará à Williams ao lado de Nicholas Latifi.

Ainda, a AlphaTauri confirmou Pierre Gasly e Yuki Tsunoda também para 2022 e manterá sua dupla de pilotos. Outro piloto que pode estrear no ano que vem é Nyck de Vries, piloto da Mercedes na Fórmula e que pode chegar à F1 em 2022.