URGENTE! Suspeito de matar torcedora do Palmeiras é preso pela Polícia

Gabriela Anelli Marchiano faleceu nesta segunda-feira (10). O suspeito de matar a torcedora do Palmeiras foi detido pelas autoridades

No último sábado (8), o Palmeiras empatou por 1 X 1 com o Flamengo, no Allianz Parque, pela 14ª rodada do Brasileirão. Com o resultado, o Verdão ficou na 5ª posição com 24 pontos.

Entretanto, a partida acabou ficando marcada por uma tragédia. Isso porque uma torcedora do Palmeiras faleceu nesta segunda-feira (10) após uma confusão nos arredores do estádio.

Gabriela Anelli Marchiano, de 23 anos, foi atingida por estilhaços de uma garrafa de vidro atirada por um torcedor do Flamengo. A torcedora do Palmeiras não resistiu aos ferimentos e morreu na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo.

O suspeito de matar Gabriela foi preso pela polícia.

Quem é o suspeito de matar a torcedora do Palmeiras?

O suspeito de matar a torcedora do Palmeiras é Leonardo Felipe Xavier Santiago, de 26 anos. O torcedor do Flamengo foi preso em flagrante no momento do crime e indiciado por homicídio doloso consumado.

Segundo o delegado Cesar Saad, da Delegacia de Repressão aos Delitos do Esporte, tudo começou quando suspeito se envolveu em uma briga por volta das 18h (horário de Brasília), antes do jogo entre Verdão e Rubro-Negro, na rua Padre Tomás.

Ainda de acordo com Saad, Leonardo admitiu que jogou uma garrafa long neck, mas que não tinha a intenção de atingir a torcedora do Palmeiras. Gabriela Anelli estava na fila para entrar no Allianz Parque quando começou a confusão.

A Polícia Militar chegou a utilizar gás de pimenta e bombas de efeito moral para dispersar os torcedores. Ela acabou sendo atingida por estilhaços de vidro no pescoço após a garrada ser atirada. Em seguida, foi socorrida pela ambulância do estádio e encaminhada ao hospital.

Segundo o portal Metrópole, o suspeito de matar a torcedora do Palmeiras é ex-membro de uma torcida organizada do Flamengo, a Flamanguaça. Leonardo Santiago não tinha passagem pela polícia.

Por meio de nota oficial, o Verdão lamentou o falecimento de Gabriela e mostrou seu repúdio pelos episódios de violência recentes no futebol brasileiro.

Matheus CristianiniMatheus Cristianini

Jornalista de 23 anos formado pela Universidade Estadual Paulista (UNESP). Passagens por Rádio Unesp FM, Antenados no Futebol e Bolavip Brasil. Apaixonado por tudo o que envolve o futebol. Tanto dentro, quanto fora das quatro linhas.