RENDEU UMA BOLADA! Palmeiras vende Giovani e bate marca histórica

Vendido recentemente ao Al-Sadd, do Catar, Giovani é mais um dos talentos vindos das categorias de base do Palmeiras. O jovem atacante, de apenas 19 anos, rendeu ao clube paulista cerca de nove milhões de euros, quase 50 milhões de reais e entrou para uma seleta lista, de maiores vendas da história do clube palestrino.

As maiores vendas do Palmeiras

10 – Keno – Pyramids (8,5 milhões de euros).

Atualmente no Fluminense, o jogador foi vendido pelo Palmeiras por uma bolada. Destaque da equipe na época, rumou para o Egito, onde o Pyramids estava montando uma forte equipe para ganhar o campeonato local. Voltou ao Brasil e atualmente se encontra na equipe carioca.

9- Djalminha – La Coruña (9 milhões de euros)

Um dos maiores jogadores do futebol brasileiro, Djalminha foi vendido para o La Coruña, onde rapidamente se tornou ídolo, conquistando grandes resultados com o clube. Atualmente ele está aposentado do futebol, após ter uma carreira de muito sucesso por onde passou.

8- Giovani – Al Sadd (9 milhões de euros).

Vendido após boas atuações pelo clube, o jogador entrou entre os maiores valores recebidos pelo clube em uma transação. Apresentado oficialmente, ele tem tudo para se destacar no futebol do Catar.

7-  Róger Guedes – Shandong Luneng Taishan (9,5 milhões de euros).

Atualmente no Corinthians, o jogador foi vendido para o futebol chinês, quando atuava no Palmeiras que na época oferecia verdadeiras fortunas para seus atletas contratados. Inclusive, Oscar, outro brasileiro no país, continua jogando na China. Róger Guedes que é um dos principais nomes neste momento do Corinthians.

6- Gabriel Verón – Porto (10,2 milhões de euros).

Tido como uma das maiores promessas do Palmeiras, foi vendido com certa expectativa para o time português. Após uma temporada regular, onde conquistou um titulo, se envolveu em uma polêmica, após jogar futebol nas suas férias e se machucar. Após ser criticado pelo comportamento, foi integrado ao clube português e tem tudo para brilhar na Europa.

5- Yerri Mina – Barcelona (12,4 milhões de euros).

Um dos maiores zagueiros dos últimos anos do Palmeiras, Mina possui uma idolatria muito forte dos torcedores do clube, que relembram a passagem dele pelo time. Vendido ao Barcelona, não teve boas atuações no clube espanhol e logo foi encaminhado para o Éverton, que pagou uma fortuna pelo atleta. Atualmente ele está sem clube e foi se falado em uma volta dele ao clube paulista.

4 – Matias Viña – Roma (13 milhões de euros).

No Bournemouth, da Inglaterra, Viña foi encaminhado para o futebol italiano, onde teve boa passagem pela Roma. Inclusive, na atual temporada foi sondado pelo Grêmio, para retornar ao Brasil, mas as negociações não avançaram pelos altos valores envolvidos na transação.

3 – Danilo – Nottingham Forest (20 milhões de euros)

Outro grande talento das categorias de base, Danilo jogou muito bem pelo Palmeiras, inclusive com excelentes atuações nas categorias de base da Seleção de base ou da principal. Está conquistando aos poucos seu espaço e vem atuando mais que Scarpa, outro atleta encaminhado para o futebol europeu.

2 – Gabriel Jesus – Manchester City (32 milhões de euros)

Com um início meteórico, o Gabriel Jesus foi tido como um dos principais jovens atacantes da equipe. Com alta expectativa, foi vendido para o Manchester City, onde teve grande passagem, indo depois para o Arsenal, onde está atualmente. Porém, se esperava que ele teria um grande desempenho na Seleção Brasileira, mas após duas copas, não marcou nenhum gol.

1- Endrick  – Real Madrid (37,5 milhões de euros)

A maior venda do clube aconteceu na temporada passada. Fenômeno das categorias de base alviverde, Endrick subiu para os profissionais logo aos 16 anos de idade, após ser artilheiro em quase todos os campeonatos que disputou. Se adaptando ao time profissional, ele vem tendo boas atuações, mas ainda não repetiu o mesmo desempenho que tinha na base. Vendo o potencial, o Real Madrid adquiriu a jovem promessa.

Otávio Silva Otávio Silva

Estudante de jornalismo com experiência em assessorias de imprensa e em portais de noticias. Apaixonado por escrever sobre esportes, mas com uma paixão ainda maior pelo futebol. Gaúcho de Porto Alegre e admirador do futebol raiz.