Fluminense impõe pior eliminação na história do Cruzeiro

A classificação do Fluminense para as quartas de final da Copa do Brasil foi categórica, acachapante e também histórica. Decerto, o Cruzeiro, maior campeão da competição com seis conquistas, nunca havia sido eliminado do torneio com uma goleada tão desfavorável, num duelo em que perdeu tanto como visitante como mandante.

O placar de 5 a 1 para o Tricolor após os 180 minutos superou os 4 a 0 impostos pelo Internacional ao clube mineiro na semifinal de 2019, com vitórias por 1 a 0 e 3 a 0. Além disso, houve uma outra situação em que o Cruzeiro foi eliminado com quatro gols de diferença no agregado. Decerto, em 1990, o Goiás empatou sem gols na partida de ida e venceu por 4 a 0 no jogo de volta. Ou seja, o agregado foi o mesmo do Colorado, mas não foi com duas vitórias.

Campeão em seis (1993, 1996, 2000, 2003, 2017 e 2018) das 26 participações que teve na Copa do Brasil, o clube mineiro saiu da competição nacional com duas derrotas no mesmo mata-mata apenas pela sétima vez. Uma delas, em 2006, também foi diante do Fluminense. Corinthians (1991), Athletico-PR (2012), Atlético-MG (2014), Palmeiras (2015) e o Internacional (2019) são os outros algozes do Cruzeiro com vitórias nos dois confrontos.

Depois de eliminar o maior campeão, o Fluminense ainda não sabe quem vai enfrentar nas quartas de final da competição. A princípio, o Tricolor busca o seu segundo título da Copa do Brasil. O primeiro e único até aqui ocorreu em 2007, após decisão diante do Figueirense.

Próxima partida do Fluminense

Por fim, agora o Fluminense aguarda o sorteio que vai definir os confrontos da próxima fase. Enquanto isso, a equipe comandada por Fernando Diniz volta à campo neste domingo (17), às 16h (horário de Brasília), contra o São Paulo, em pleno Morumbi.

Leia mais:

Foto destaque: Divulgação/ Fluminense

Meu nome é Enzo Pires, tenho 19 anos e sou estudante de jornalismo. Desde que terminei a escola eu tinha certeza que meu futuro seria no esporte.