Cristiano Ronaldo ganha mais força no Paris Saint-Germain, segundo informações da revista "GQ", que nesta semana ouviu o dono do clube francês, o egípcio Nasser Al-Khelaifi.

Em entrevista a revista aqui já citada, o presidente do PSG declarou que vê o pentacampeão da "Bola de Ouro" como reforço ideal para o elenco, ainda mais depois de Neymar declarar a mesma revista que gostaria de atuar ao lado do craque português.

"Quero jogar com Cristiano Ronaldo. Já joguei com grandes jogadores como Messi e Mbappé, mas ainda não joguei ao lado do Cristiano Ronaldo", declarou Neymar para a revista "GQ".

Além de ver seu elenco ganhar um grande reforço, Al-Khelaifi vê a chegada de Cristiano Ronaldo ao PSG como um bom negócio, uma vez que a Nike - patrocinadora do português, é a mesma que fornece os materiais esportivos ao clube aqui em questão, dessa forma a contratação seria benéfica para ambas as partes.

Pedido da Juventus para liberar CR7

No entanto, para ter Cristiano Ronaldo em seu elenco, o PSG terá que desembolsar entre 25 a 30 milhões de euros pela transferência (entre R$ 156 a R$ 187 mil, na cotação atual), no entanto, a mesma revista já aqui mencionada revela que Nasser Al-Khelaifi está disposto a negociar uma troca com a Velha Senhora, liberando Mauro Icardi para a equipe italiana.

Vale lembrar que o atacante argentino sempre amou o conselho de administração da Juventus e tem admiração pelo novo treinador Massimiliano Allegri, que já deu sinal verde para a possível troca entre os dois atletas.

Agora resta saber se a direção da Velha Senhora concordará com essa possível troca entre Cristiano Ronaldo e Mauro Icardi; veremos!