Nottingham Forest entra na briga por Jesse Lingard

Segundo o jornalista jornalista Jacob Steimberg, repórter do jornal britânico “The Guardian”, o Nottingam Forest entrou na briga com o West Ham pela contratação de Jesse Lingard, meio-campista ex-Manchester United e jogador da seleção inglesa. Recém promovido da Championship possui discussões produtivas com o atleta e realizou uma oferta lucrativa.

David Moyes, do West Ham, conversa com Jesse Lingard

David Moyes tem perseguido o atleta do English Team o verão todo. O versátil meia-atacante teve um excelente empréstimo no West Ham no ano passado e Moyes fez várias tentativas de contratá-lo permanentemente.

No entanto, os londrinos ficaram frustrados durante as negociações com o jogador. Assim, eles questionaram se ele realmente quer jogar para seu time, com fontes dizendo que o mesmo já deveria estar em treinamento de pré-temporada.

Ainda assim, os Hammers, clube em que Lingard jogou emprestado por seis meses em 2021, continua em negociações com o inglês, que pretende ir para a Copa do Mundo. No entanto, os londrinos não estão dispostos a alcançar os valores salariais cobrados pelo jogador. Em suma, com a camisa dos Red Devils na temporada passada não foi bem.

Interesse do Nottingham

Nesse sentido, em 22 partidas marcou dois gols e distribuiu uma assistência. Visando se manter na primeira divisão, os Reds vem se reforçando para essa temporada. Até aqui, o clube acertou as contratações do goleiro Dean Henderson, do United, Omar Richards, do Bayern de Munique, Neco Williams, do Liverpool e Gustava Scarpa, do Palmeiras, que se juntará ao clube em janeiro.

Em resumo, Newcastle e Aston Villa, também da Premier League, são outros que observam o jogador. No entanto, Jesse Lingard pode acabar enxergando com bons olhos a possibilidade de ser uma das estrelas no time de Nottingham, que de acordo com a fonte, já fez uma proposta oficial para contar os serviços do meia.

 

 

 

Sou Caio, tenho 23 anos, faço jornalismo. Procuro me especializar em Jornalismo Esportivo e meu maior sonho é comentar uma Copa do Mundo