Veja os maiores zagueiros da história do Grêmio

Tricolor Gaúcho é um dos gigantes do futebol brasileiro, sul-americano e mundial. Traremos aqui os maiores zagueiros da história do Grêmio.

Vale ressaltar que o Imortal tem uma enorme história e muitos títulos conquistados, são eles: Campeonato Gaúcho (42), Citadino de Porto Alegre (29), Copa do Brasil (5), Brasileirão (2), Libertadores (3) e Copa Intercontinental de Clubes (1)

Os maiores zagueiros da história do Grêmio

Airton Pavilhão

Airton Ferreira da Silva, mais conhecido como Airton Pavilhão, foi um zagueiro histórico do Grêmio, atuando nas décadas de 50 e 60.

O zagueiro ingressou ao clube em 1954 e ficou por lá durante 13 anos, saindo em definitivo em 1967. Durante esse período, ficou apenas um ano ausente: em 1960, Airton foi contratado pelo Santos de Pelé, justamente por ter “parado” o Rei, retornando um ano depois ao Grêmio, em 1961. 

No total, Pavilhão conquistou 11 títulos do Campeonato Gaúcho, todos no período de 1956 até 1967, perdendo apenas o campeonato de 1961. Foram 592 jogos vestindo a camisa do Grêmio, sendo o 2° jogador que mais atuou pelo clube. 

Hugo de Léon

Hugo de Léon é, sem dúvidas, o maior estrangeiro que já atuou pelo Grêmio e também um dos maiores jogadores da história do clube. Atuando como zagueiro, o uruguaio foi um dos grandes símbolos do clube durante os anos 80. 

O zagueiro chegou em 1981, e logo de cara já conquistou seu primeiro título, o Campeonato Brasileiro. Dois anos depois, Hugo de Léon foi peça importantíssima da conquista do Grêmio na Libertadores e no Mundial de Clubes.

Apesar do pouco de casa, Hugo de Léon se tornou um símbolo de raça e empenho em campo, além do papel fundamental que teve para o Grêmio durante as conquistas mais importantes da história do clube, marcando seu nome na história do Tricolor

Adilson Batista

Adilson Batista, o Capitão América, também está marcado na história do clube. Ao desembarcar em Porto Alegre, em 1995, o eterno zagueiro Tricolor conquistou o Campeonato Gaúcho e a Copa Libertadores pelo Grêmio. Em 1996, ganhou novamente o Gauchão e levantou a taça da Recopa Sul-americana e do Campeonato Brasileiro.

Mauro Galvão

Mauro Galvão está marcado na história do Imortal pelo seu espírito de liderança. Torcedor gremista desde criança, o ex-zagueiro conquistou o Campeonato Gaúcho (1996), Recopa Sul-americana (1996), Campeonato Brasileiro (1996) e a Copa do Brasil (1997). Em sua segunda passagem não passou em branco, e levou para casa o Gauchão (2001) e a Copa do Brasil (2001).

Pedro Geromel e Kannemann

Por fim, talvez a principal dupla de zaga da história do Grêmio. Não tem como citar Pedro Geromel sem falar de Kannemann, ídolos gremistas e sem dúvidas dois dos maiores zagueiros da história do clube.

Até chegar no Imortal em 2013, Pedro Geromel era desconhecido no cenário do futebol brasileiro. Porém, após algumas partidas logo tomou conta da defesa gremista e se tornou umas das peças fundamentais do escrete. E ao lado argentino Walter Kannemann, que chegou pouco depois, formou uma das melhores duplas de zaga do Grêmio e do futebol brasileiro. 

Juntos foram campeões da Copa do Brasil (2016), da Copa Libertadores (2017) com Geromel como capitão da equipe, da Recopa Sul-americana (2018), sem contar os campeonatos estaduais.

Raphael Almeida Raphael Almeida

Jornalista 33 anos. Atualmente sou repórter e comentarista na Web Rádio Bate Fundo Esportivo. Redator no portal Minha Torcida com passagens por Premier League Brasil e Futebol na Veia.