Com invasão de campo e destruição do equipamento do VAR por parte de alguns torcedores gremistas após o apito final da partida diante do Palmeiras, neste último domingo, a Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) ainda irá analisar as imagens da invasão na Arena para ver quais denúncias deverá fazer contra o Grêmio.

Segundo informações do site "GE", o procurador-geral do STJD- Ronaldo Botelho Piacente ao ser procurado por esses, declarou que viu as imagens e que o caso se enquadra no Art. 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva; com pena prevista de até R$ 100 mil e perca de mando de campo de uma a dez partidas.

"A perca de mando de campo só é dada quando levada em conta a gravidade do caso. Aqui ficou óbvio essa gravidade. Há uma tendência. A Procuradoria irá denunciar. Pretende que o Grêmio seja punido com perca do mando de campo, mas obviamente que eu faço a denúncia e o julgamento cabe aos auditores", declarou Piacente ao "GE".

Outras infrações

O Grêmio além da invasão de campo por parte de alguns torcedores, ainda poderá ser denunciado por outras infrações, salientando que depois da invasão do gramado, a briga com seguranças e a quebra do VAR, os torcedores se enfrentaram com policiais no estacionamento do estádio.

Grêmio no Brasileirão Série A

O Tricolor Gaúcho com a derrota por 3 a 1 diante do Palmeiras na Arena, no último domingo, permanece na vice lanterna, com 26 pontos - sete a menos que o Bahia, primeiro time fora do Z4.