A guerra entre a Rede Globo e o SBT pelos direitos de transmissão da Copa Libertadores da América ganhou um novo capítulo nesta semana, onde a emissora carioca voltou a se sobrepor sobre a emissora paulista.

Sim, a Globo voltará a transmitir os jogos da Libertadores entre os anos de 2023 a 2026. O resultado é um processo de licitação realizado pela Conmebol e divulgado nesta última quinta-feira - 12 de maio.

Enquanto a Globo voltou a ter os direitos de transmissão destes jogos na TV aberta, a ESPN ficou com esses na TV fechada.

A emissora carioca voltará a transmitir jogos da Libertadores após ficar ausente por três anos, assim, através do processo de licitação feito pela Conmebol, a Globo ganhou o direito de levar as emoções do principal torneio sul-americano ao ar na TV aberta para todo o Brasil; essa direito irá como já dito acima, de 2023 a 2026.

Copa Sul-Americana

Por sua vez, nesta mesma quinta-feira, a Conmebol também divulgou o resultado de licitação para a transmissão da Copa Sul-Americana pelos próximos quatro anos.

Os direitos de transmissão deste torneio ficará a cargo do SBT e da ESPN; por sua vez, a OneFootball adquiriu pacotes de melhores momentos da Libertadores e da Sul-Americana.

Veja abaixo a nota emitida pela Globo logo após o resultado:

"A TV Globo recebeu a confirmação da Conmebol de que foi a emissora escolhida para exibir a Libertadores, em acordo válido por quatro anos, de 2023 a 2026, com exclusividade na TV aberta no Brasil. Para nós, é uma grande satisfação comemorar novamente essa parceria. Construímos uma relação de quase três décadas com a Conmebol, exibindo a Libertadores desde 1993, e acreditamos que ajudamos a consolidar o sucesso do torneio no Brasil, através de um alcance único e de uma alta qualidade reconhecida pelo público, não apenas na transmissão mas também na cobertura da competição".