Com várias interferências da chuva nas provas da Fórmula 1 nesta temporada, o diretor de corridas Michael Masi informou nesta semana aos acionistas da categoria que pretende discutir sobre a flexibilidade dos finais de semana de GP, para assim adiar a realização de uma prova com o tempo ruim.

Vale lembrar que por conta da chuva forte, o GP da Bélgica, realizado no último mês, encerrou com o Safety-Car a frente dos pilotos, com apenas uma volta concluída, em meio a uma tempestade no circuito de Spa-Francorchamps. Já no último final de semana, em Sochi, a FIA foi obrigada a cancelar as provas da F2 e F3, chegando a ameaçar a classificação da F1 no sábado - dia anterior a corrida, que também encerrou com chuva.

Para um dos chefões da Fórmula 1, é preciso ter várias discussões com todos que estão envolvidos na categoria a respeito do assunto, que nesta temporada já estragou o espetáculo em pelo menos duas a três provas e não somente na F1, como também na F2 e F3.

"Comentamos que, após a corrida de Spa-Francorchamps, deveríamos reunir a FIA, a F1 e as 10 equipes e debatermos sobre o assunto. Termos debates sobre o tema, grupos de estratégia. Não apenas um cenário de "mover", estamos falando de duas estruturas de governança entre três campeonatos", comentou Masi ao site inglês "The Race", que finalizou dizendo:

"Estas discussões vão ocorrer de forma proativa, vamos dar uma olhada e ver aonde chegamos", concluiu ele.

Próxima etapa do calendário 2021 da F1

A próxima etapa do calendário 2021 da Fórmula 1 será realizado em Istambul, na Turquia, no dia 10 de outubro; o GP aqui em destaque está marcado para iniciar às 07h (de Brasília).