A pouco mais de um ano para o início da próxima edição da Copa do Mundo, que será realizada no Catar, até aqui temos apenas a seleção de casa classificada para os jogos, no entanto, a próxima Data-FIFA, de outubro, tem tudo para mudar esse cenário.

Países como Brasil, Inglaterra e Dinamarca estão muito próximas de se juntar aos catários depois dessa próxima rodada das Eliminatórias de 2022.

No entanto, chamamos a atenção para aquelas seleções que poderão ficar de fora desta edição do Mundial.

Pegamos como base, o "Blog do Rafael Reis", que trás cinco seleções que estão correndo sério perigo de ficar de fora da Copa do Mundo do Catar no próximo ano e aqui entra algumas bem conhecidas, como Espanha e Chile.

Confira a lista das seleções a perigo de ficar de fora da Copa de 2022

Espanha

Mesmo liderando o Grupo E - das Eliminatórias para a Copa de 2022, a mesma se vê ameaçada pela Suécia, que atualmente está 4 pontos atrás e tem dois jogos a menos - contra Grécia e Kosovo, em casa, podendo assim chegar em totais condições de ultrapassá-la no confronto direto, marcado para o dia 14 de novembro.

Chile

A seleção de Vidal e Sánchez são atualmente a maior decepção das Eliminatórias Sul-Americanas, donde a equipe chilena venceu apenas um jogo das nove rodadas já disputadas por ela - diante do Peru por 2 a 0, fechando o primeiro turno na última colocação deste torneio. Se nada mudar no returno, a geração mais vitoriosa da história do futebol chileno corre sério risco de ficar de fora da Copa do Catar.

Camarões

Na mesma chave da Costa do Marfim, derrotá-los virou questão de vida ou morte, uma vez que apenas uma seleção avança por grupo a fase final do qualificatório, no entanto, os camaroneses perderam o primeiro confronto diante do seu principal adversário no grupo e agora terá que tirar o prejuízo nas próximas quatro rodadas, donde então terá novo confronto direto com os marfinenses, entre os dias 14 e 16 de novembro.

Egito

O maior vencedor do futebol africano também corre sério risco de ficar de fora da próxima edição da Copa do Mundo. A equipe de Mohamed Salah se complicou em seu grupo, onde empataram diante da Seleção de Gamboa e de quebra viram o Líbano vencer as duas primeiras rodadas. Desta forma, com quatro pontos, contra seis do líder da Chave F, o Egíto não poderá mais se atrapalhar nas próximas rodadas, isso também indica vencer o confronto direto entre as duas seleções, marcado para outubro.

Polônia

A seleção do atual melhor jogador do mundo é outra que corre sério risco de não ir ao Catar em 2022. Sim, estamos falando da Polônia de Robert Lewandowski, que a quatro rodadas para o encerramento das eliminatórias europeias, ocupa apenas a 3ª colocação no Grupo I, ou seja, nem repescagem hoje estaria pegando. Hoje a Polônia tem que tirar a vantagem de um ponto da Albânia para ao menos chegar ao segundo lugar de seu grupo, que ainda tem a Inglaterra como grande líder.