Chelsea tenta dar “chapéu” em rival inglês por Marc Cucurella

De acordo com o jornalista Fabrizio Romano, especialista em mercado de transferência europeia, o lateral-esquerdo/meia do Brighton, Marc Cucurella, está na mira do Chelsea para o começo da Premier League. Recentemente o Manchester City chegou a fazer uma oferta de 40 milhões de libras (R$ 253 milhões). No entanto, foi recusada.

Brighton coloca preço em Marc Cucurella

A saber, Marc Cucurella pediu ao Brighton para liberá-lo. Entretanto, não houve acordo. Caso o clube de Thomas Tuchel e Todd Boehly esteja muito interessado, as Gaivotas pediram 50 milhões de libras (R$ 317 milhões) para vender. Nas Olimpíadas de Tóquio, foi vice-campeão com a Espanha, após perder nos pênaltis para o Brasil.

Última temporada

Marc Cucurella chegou ao Getafe CF na última temporada e fez 38 jogos, um gol e duas assistências na sua primeiro vez disputando a Premier League. Agora, ainda na Inglaterra, está mais perto de Londres do que de Manchester. Acredita-se que o ex-jogador do Barcelona esteja muito interessado em jogar sob o comando de Pep Guardiola no City, que terá que retornar com uma oferta melhor se um acordo for fechado.

No mercado, os Blues já anunciaram o zagueiro senegalês Kalidou Koulibaly, do Napoli e o atacante inglês Raheem Sterling, do próprio Manchester City. Em resumo, perderam a corrida na contratação do brasileiro Raphinha, do Leeds United e do zagueiro francês Jules Koundé, que foram para o Barcelona.

Andreas Christensen e Antônio Rüdiger, deixaram a equipe londrina para o Barça e Real Madrid respectivamente.

Já os Cityzens estão com poucos defensores antes da nova campanha. Assim sendo, com Kely Walker e João Cancelo como únicos jogadores seniores à disposição de Guardiola na posição.

Iniciou sua carreira em 2017, no próprio Barcelona, após fazer parte de sua categoria de base na La Masia. Antes do Geta, teve uma passagem pelo Eibar. Ainda assim, no negócio, o Brighton pode pedir que o zagueiro Levi Colwill, de 19 anos, da equipe do Stanford Bridge, seja incluído em um acordo.

Foto destaque: Divulgação / Twitter Cucurella

Sou Caio, tenho 23 anos, faço jornalismo. Procuro me especializar em Jornalismo Esportivo e meu maior sonho é comentar uma Copa do Mundo