Com clubes ingleses em seu encalço e após o Manchester City considerar a sua contratação, Robert Lewandowski entra de vez na mira do Chelsea - atual campeão da Champions League.

Com o melhor atacante do mundo - segundo a FIFA declarar que poderia deixar o Bayern de Munique, diversos clubes o colocaram em suas miras, principalmente os clubes ingleses, no entanto, o clube que parece mais próximo a ter uma conversa real com os empresários do jogador é os Blues, que estariam dispostos a oferecer 60 milhões de euros aos Bávaros.

A informação é do jornal "The Sun", que indica que o centroavante polonês passa a ser o principal alvo do Chelsea depois desse encontrar dificuldades em contratar Erling Haaland - do Borussia Dortmund.

Thomas Tuchel quer um centroavante

Após Timo Werner não brilhar pelos Blues, o técnico Thomas Tuchel pediu a direção do Chelsea a contratação de um novo atacante, onde inclusive Werner pode ser incluído numa possível negociação por esse novo jogador.

Onde inclusive Lewandowski é visto como uma opção mais barata e acessível neste momento. O polonês de 32 anos tem contrato com o Bayern de Munique até junho de 2023.

Porém, há concorrentes neste caminho; sim, o Chelsea não corre sozinho nesta busca por um atacante, uma vez que os Citizens seguem monitorando a situação de Lewandowski no clube alemão, ainda mais depois do time de Guardiola não ter sucesso na negociação com Harry Kane - do Tottenham.

As movimentações do mercado da bola prometem a se intensificar nas próximas semanas, visto a sua abertura oficial marcada para o dia 1º de agosto.