São Paulo ou Palmeiras terminarão o Paulistão com mais R$ 33,5 milhões em seus cofres. Sim, esse é o valor a ser pago para o grande campeão do Campeonato Estadual aqui em destaque, segundo a Federação Paulista de Futebol.

Com uma premiação total chegando à casa dos R$ 65 milhões, campeão e vice-campeão do Campeonato Paulista deste ano faturarão mais de R$ 30 milhões cada.

Como já destacamos acima, o grande campeão do torneio aqui já descrito levará um montante de R$ 33,5 milhões - sendo R$ 30 milhões em direito de imagens e mais R$ 3,5 milhões de premiação pelo título.

Por sua vez, o vice-campeão levará os mesmos R$ 30 milhões pelos direitos de imagens e R$ 1,15 milhões por ter chegado à final do Paulistão 2021.

Premiação total do Paulistão 2021

Ao todo a FPF distribuirá um total de R$ 240 milhões aos 16 clubes participantes; um valor de 15% maior em comparação a temporada passada. Para os "pequenos clubes", o valor pela participação no torneio será entre R$ 6 milhões a R$ 8 milhões.

Mesmo tendo sofrido com uma paralisação por conta da pandemia, o Estadual fora altamente rentável, principalmente por ser um torneio que ocupa apenas três meses da temporada.

Por conta da COVID-19, os 16 times chegaram a um consenso com a FPF e resolveram dividir os custos dos protocolos do Coronavírus durante a competição, o que reduziu os valores da premiação em 30%.

Se não tivessem esses gastos com a pandemia, o prêmio a ser dado ao campeão pelo título seria de R$ 5 milhões e não os R$ 3,5 milhões aqui já citados acima. Assim como para o vice-campeão, que levaria R$ 1,65 milhão.