A seis pontos de distância da Série C do Brasileirão 2022, o Brasil de Pelotas que luta desesperadamente contra a degola, recebe nesta quinta-feira - 28 de outubro, a equipe do Náutico.

O duelo que será realizado no Estádio Bento Freitas, está marcado para iniciar às 21h30 (de Brasília).

Em lados opostos na tabela de classificação, enquanto os visitantes buscam se aproximar do G4 - onde estão distantes oito pontos, os donos da casa ainda sonham com uma pequena esperança de saírem da zona de rebaixamento, onde ocupam atualmente a lanterna da competição, com 20 pontos e a 15 de distância do primeiro time fora do Z4 (Brusque).

Vale ressaltar que depois desta 32ª rodada, restarão apenas mais seis, ou seja, mais 18 pontos em jogo.

Onde assistir a Brasil e Náutico pela Série B

O confronto aqui em destaque poderá ser acompanhado ao vivo, nesta quinta-feira (28), diretamente dos canais Premiere - do SporTV, a partir das 21h30 (de Brasília), diretamente de Pelotas (RS).

Prováveis escalações e demais informações

Brasil de Pelotas

Na lanterna da Série B, o time gaúcho com 20 pontos na tabela de classificação, está distante 15 pontos do primeiro time fora do Z4; restando 21 a serem disputados.

Sabedor das dificuldades de permanecer na Série B, o Brasil de Pelotas ainda assim vai em busca de algo melhor para si dentro da competição e desta forma tentará buscar os três pontos dentro de casa.

Para que isso seja possível, a equipe gaúcha deve vir a campo escalado com: Marcelo; Vidal, Arthur (Leandro Camilo), Alan Dias (Héverton) e Kevin; Diego Gomes, Bruno Matias, Rildo, Renatinho e Netto; Erison (Caio Rangel).

Náutico

Por sua vez, a equipe do Náutico que empatou em 2 a 2 com o Vasco na rodada passada, vem para esse duelo diante do lanterna da Série B em busca dos três pontos, pontos esses que poderão lhe ajudar a subir na tabela e assim ficar mais próximo do G4.

Desta forma, ainda sonhando com uma possível vaga no seleto grupo que garante acesso a elite do futebol nacional, o Náutico deve vir com a seguinte escalação: Anderson; Hereda, Rafael Ribeiro, Yago e Júnior Tavares; Matheus Jesus, Rhaldney e Jean Carlos; Jailson, Caio Dantas e Vinicius.