Líder isolado do Campeonato Brasileiro e vivendo o melhor momento da sua temporada, o Atlético-MG tem mais um importante duelo: O Galo recebe o Sport, neste sábado (18), no estádio do Mineirão, às 19h (Horário de Brasília), em duelo válido pela 21ª rodada da competição nacional.

Se pelo lado do Sport, o time comandado pelo técnico Cuca chega em momento de bastante confiança, e se isolar ainda mais no topo da tabela, pelo lado do Sport, os comandados do técnico Gustavo Florentín buscam sair do mau momento e seguir na briga contra o rebaixamento.

Atlético-MG pode ter rodízio diante do Sport; Veja as prováveis escalações

Atlético-MG

Pelo lado do Atlético-MG, o time comandado pelo técnico Cuca chega em momento de extrema confiança. Líder isolado da competição, com 42 pontos e dono do 3º melhor ataque, o Galo tenta dentro de casa, conseguir mais um triunfo e com isso, se manter no excelente momento.

Para a partida, o Atlético-MG deve ir a campo com algumas modificações em relação ao duelo diante do Fluminense, pela Copa do Brasil. Sem poder contar com Mariano, que está suspenso, Guga deve receber mais uma oportunidade na escalação.

Além disso, existe a possibilidade de mudanças no setor de ataque, pensando no duelo pela Libertadores no meio de semana. Diego Costa pode ser titular, na vaga de Vargas ou de Hulk.

Mesmo assim, a provável escalação do Atlético-MG tem: Everson; Guga, Júnior Alonso, Nathan Silva e Guilherme Arana; Jair, Allan, Zaracho (Keno) e Nacho Fernández; Vargas (Diego Costa) e Hulk.

Sport

Pelo lado do Sport, o time comandado pelo técnico Gustavo Florentín busca sair do péssimo momento. A equipe possui o pior ataque da competição, e agora, diante do líder do campeonato, a meta é seguir pontuando para se aproximar de sair do Z-4.

Para a partida, o Sport deve ir a campo com o mesmo time que foi derrotado pelo Internacional, em casa, na última rodada. O Leão ainda não pode contar com Neilton e João Igor, que se recuperam de lesões e ficam de fora do duelo.

A provável escalação do Sport tem: Maílson; Hayner, Chico, Rafael Thyere e Sander; Zé Welison, Marcão Silva e Thiago Neves (Everton Felipe); André, Paulinho Moccelín e Mikael (Tréllez).