Ainda em busca de um novo comandante técnico para a temporada 2022, o Atlético-MG deve nos próximos dias ter uma boa nova aos seus torcedores, que após o "não" de Carlos Carvalhal e Berizzo, retornou a estaca zero na busca por um profissional que possa dirigir o time principal.

Lembramos que o Galo entra em sua última semana antes da reapresentação para a temporada 2022.

Com Jorge Jesus sendo o ficha 1 desde o início, onde ainda tinha em paralelo conversas com Carlos Carvalhal, esses dois negaram os convites para comandar o Galo na temporada 2022, pelo menos por hora, uma vez que há quem acredite dentro do clube mineiro que possa ainda fechar com JJ.

Conversas com o staff e com o próprio Jorge Jesus foram estabelecidas nas últimas horas.

Eduardo Berizzo

Após os "nãos" dos dois portugueses acima citados, a direção atleticana abriu seu leque na busca por um novo comandante técnico, onde buscou informações sobre Eduardo Berizzo, onde tão logo virou opção, assim deixou de ser, uma vez que fora mais um a dizer "não" ao Galo.

Depois de vários "nãos", entre esses até mesmo de Renato Portaluppi, que não aceitou o convite para comandar o Atlético-MG ainda em 2021, uma pessoa ligada ao clube destacou o seguinte:

"Voltamos à estaca zero. No momento, nada adiantado, com ninguém", disse ele, que ao ser questionado sobre um possível mal-estar com essa demora no anúncio do novo treinador, disse que a montagem do elenco não é algo que preocupa, uma vez que essa não precisa contar com o aval do treinador, visto que as contratações serão apenas pontuais, admitindo que:

"A expectativa é por uma resolução definitiva em breve. As incansáveis especulações, inevitáveis num cenário de incertezas, já incomoda".