Atlético de Madrid monitora situação de Nahuel Molina, lateral-direito da Udinese

O Atlético de Madrid está interessado na contratação de Nahuel Molina, lateral-direito da Udinese e também da seleção argentina. No entanto, a Zebrette pede cerca de 20 milhões de euros (R$ 108 milhões) para liberar o atleta de 24 anos. A informação é do Mundo Deportivo, jornal espanhol. A La liga está prevista para começar 12 de agosto.

“A questão que mais preocupa Cholo (Simeone) quanto à configuração do futuro plantel é a relativa ao lado direito “, relatou o jornal.

Ainda assim, o valor parece estar um pouco abaixo do que os Colchoneros podem pagar. Porém, tentam outras formas de ter o defensor em seu elenco. Com este cenário, a vontade do Atléti de se fortalecer com dois garantidos é tão forte em Simeone quanto em Marco Llorente. Tem nome, de fato, mas a situação econômica dos cofres rojiblancas a impossibilita.

Desse modo, enquanto não ocorrer uma ou mais saídas de calado. Nahuel Molina é o grande desejo, mas para decepção de Cholo, o seu compatriota continua treinando, depois de adiantar em quatro dias sua volta previsto para esta última segunda-feira (11), no clube italiano. O treinador argentino vai iniciar uma nova temporada ao comando do Atlético de Madrid.

Desse modo, equipe que comanda desde 23 de dezembro de 2011, sendo o treinador que mais títulos conquistou oito na história do clube. Nas últimas horas, Simeone se encontrou com Gil Marín, CEO da equipe madridista e com Andrea Berta, diretora esportiva, com quem analisou as alternativas para se inscrever e deixar o elenco rojiblanco mais encorpado para a próxima temporada.

Foto Destaque: AFP

 

 

Sou Caio, tenho 23 anos, faço jornalismo. Procuro me especializar em Jornalismo Esportivo e meu maior sonho é comentar uma Copa do Mundo