Visando retomar a liderança do Campeonato Brasileiro, o Athletico-PR enfrentará a Chapecoense no próximo domingo, às 20h, na Arena da Baixada, em partida válida pela 7ª rodada do Brasileirão.

Na última rodada da competição nacional, ambas as equipes acabaram sendo derrotadas em seus respectivos compromissos. Atuando fora de casa, no estádio Pituaçu, com gols do volante Patrick de Lucca e do atacante Rossi, o Bahia acabou vencendo o Furacão por 2x1, colocando, assim, fim na invencibilidade e no 100% de aproveitamente do Athletico Parananense na competição.

Já a Chapecoense, mesmo atuando dentro de casa, no estádio Índio Condá, a equipe acabou sofrendo revés por 2x1 para o Internacional, que teve seus gols marcados pelos atacantes Caio Vidal e Yuri Alberto.

Com os resultados, o Athletico-PR caiu para a segunda colocação na tabela de classificação do Brasileirão, com 12 pontos conquistados em cinco partidas realizadas. Já a Chape, com a derrota sofrida para o Colorado, permaneceu dentro da zona de rebaixamento, na 18ª posição, com apenas 3 pontos ganhos.

Ficha Técnica

  • Jogo: Athletico-PR x Chapecoense
  • Horário: 20h
  • Local: Arena da Baixada
  • Rodada: 7ª do Brasileirão
  • Competição: Campeonato Brasileiro
  • Árbitro: Vinicius Gomes do Amaral
  • VAR: Rodrigo Guarizo do Amaral

Provável Athletico Paranaense

Buscando retomar o caminho das vitórias, o Athletico-PR terá desfalques importantes para o duelo com a Chapecoense. O lateral direito Marcinho e o volante Richard foram expulsos na partida contra o Bahia e terão que cumprir suspensão automática.

Em contrapartida. a comissão técnica terá o retorno do centroavante Matheus Babi, que esteve suspenso na última rodada.

O provável Athletico-PR tem: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Khellven, Erick (Alvarado), Christian, David Terans, Vitinho e Abner; Matheus Babi.

Provável Chapecoense

A provável escalação da Chapecoense tem: João Paulo; Matheus Ribeiro, Felipe Santana, Ignácio e Mancha; Anderson Leite, Guedes, Ravanelli e Lima; Anselmo Ramon e Fernandinho.