Arrependido? Preparador do Flamengo se desculpa por agressão

Após a agressão de Pablo Fernández a Pedro no final da partida contra o Atlético-MG, a crise se instaurou no Flamengo.

Após a agressão de Pablo Fernández a Pedro no final da partida contra o Atlético-MG, a crise se instaurou no Flamengo. O jogador foi a delegacia fazer um BO contra o preparador físico e fez o exame de corpo de delito para denunciar as agressões.

O atleta se pronunciou nas redes sociais citando ainda alguns abusos psicológicos que vem sofrendo. A diretoria rubro-negra permanece em silêncio, enquanto isso o treinador Jorge Sampaoli também foi as redes e disse que tudo o que aconteceu deixou ele muito triste.

Preparador Pablo Fernández já teve outras polêmicas

O preparador físico Pablo Fernández já esteve envolvido em outras polêmicas, com Marinho no Flamengo e também com torcedores do Nice da França quando trabalhava no Olympique de Marselha. Na França trocou socos com torcedores da equipe adversária que invadiram o campo.

Já com Marinho, deu uma bronca no atleta, que não gostou e alegou contusão para não viajar para o jogo contra o Ñublense, pela Libertadores. Após isso, atleta e comissão não se entendiam mais e culminou na saída do jogador do clube.

Pedido de desculpas do preparador físico

Já no dia seguinte a confusão, o preparador vendo toda a repercussão negativa, decidiu se desculpar com Pedro, Flamengo e os colegas de trabalho. O funcionário do clube tentou esclarecer a situação sem tirar a sua culpa e disse que chegou irritado ao vestiário querendo resolver o problema, mas que reagiu da pior forma.

Afirmou também que gostaria de voltar no tempo, mas que essa não é uma possibilidade e que a partir de agora só resta a ele pedir perdão e tentar corrigir o erro.

Continuou dizendo que a alta competição traz consigo estresses e situações que acabam por fazer as pessoas pensarem mal e reagirem mal. Reafirmando que a declaração não é uma desculpa e sim uma explicação.

Confira abaixo a nota na íntegra:

O que acontece agora?

A diretoria do Flamengo ainda não se pronunciou sobre o caso, o que só deve acontecer após terem definido a situação tanto do preparador como também de Jorge Sampaoli e sua comissão técnica. Há uma reunião agendada entre Marcos Braz, Bruno Spindel e Jorge Sampaoli para a noite deste domingo (30).

O Flamengo volta a campo na próxima quinta-feira (3) contra o Olimpia, no Maracanã, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. A equipe no mês de agosto tem jogos importantes por três competições diferentes e pode voltar a final da Copa do Brasil pelo segundo ano seguido.

Raphael Almeida Raphael Almeida

Jornalista 33 anos. Atualmente sou repórter e comentarista na Web Rádio Bate Fundo Esportivo. Redator no portal Minha Torcida com passagens por Premier League Brasil e Futebol na Veia.