A Copa do Brasil vem sendo cada vez mais valorizada pelos principais clubes do futebol nacional. Além de garantir uma vaga direta para a fase de grupos da Copa Libertadores da América, a competição também é muito visada por conta da sua alta premiação, que é vista como salvadora da situação financeira dos clubes.

Desde 2018, a CBF trabalha para trazer mais relevância ao torneio, principalmente do ponto de vista financeiro. Por isso, as maiores potências do nosso futebol começam a em alguns casos, tratar o torneio como prioridade, já que a situação orçamentária é bastante complicada em sua maioria. Veja abaixo as premiações.

Copa do Brasil 2022; Veja as premiações por fase do torneio

Antes de tudo, vale lembrar que a premiação da Copa do Brasil tem diversas variáveis. Para os times que entram na competição a partir da 3ª fase (times da Libertadores, melhor colocado na série A para pré-Libertadores, campeão da série B do Brasileirão 2020, campeão da Copa Verde e campeão da Copa do Nordeste), o valor em caso de título representa menos comparado ao valor que um time ganharia caso fosse campeão disputando desde a 1ª fase.

Para a edição de 2022, o time que vencer a grande final levará a quantia de R$54 milhões. Veja abaixo as premiações de cada fase da Copa do Brasil 2022:

  • 1ª fase: R$1,1 milhão (grupo 1); R$950 mil (grupo 2) e R$540 mil (grupo 3)
  • 2ª fase: R$1,3 milhão (grupo 1); R$1,03 milhão (grupo 2) e R$650 mil (grupo 3)
  • 3ª fase: R$1,5 milhão
  • 4ª fase: R$2 milhões
  • Oitavas de final: R$2,6 milhões
  • Quartas de final: R$3,3 milhões
  • Semifinal: R$7 milhões
  • Vice-campeão: R$22 milhões
  • Campeão: R$54 milhões

Os times que entrarem na competição desde a primeira fase poderão acumular a quantia de R$72,8 milhões. Os times que entram de forma tardia no torneio, ou seja, a partir da 3ª fase, poderão arrecadar no máximo R$68,9 milhões.

Veja a lista dos maiores campeões da Copa do Brasil:

  1. Cruzeiro: 6 títulos (1993, 1996, 2000, 2003, 2017 e 2018)
  2. Grêmio: 5 títulos (1989, 1994, 1997, 2001 e 2016)
  3. Palmeiras: 4 títulos (1998, 2012, 2015 e 2020)
  4. Flamengo / Corinthians: 3 títulos (Fla: 1990, 2006 e 2013) (Cor: 1995, 2022 e 2009)
  5. Atlético-MG: 2 títulos (2014 e 2021)
  6. Fluminense / Vasco / Santos / Sport / Internacional / Athletico / Criciúma / Juventude / Paulista / Santo André: 1 título