Final feliz! Não, não estou falando da virada do ano, mas sim do fechamento de um acordo entre Palmeiras e Rede Globo, que finalizaram as negociações pelos direitos de transmissão dos jogos do Verdão no Campeonato Brasileiro de 2022.

O acordo aqui firmado entre clube e emissora diz respeito à transmissão a TV fechada, com vínculo por três anos, ou seja, entre 2022 a 2024.

A negociação foi realizada diretamente pela nova presidente do Palmeiras - Leila Pereira e a área de direitos esportivos da Globo.

Em nota divulgada pelo site "GE", Leila Pereira destaca o seguinte:

"Foi um contrato financeiramente importante para o Palmeiras, que tem o objetivo de facilitar a vida de nossos torcedores, para que ele possa acompanhar os jogos do nosso time. Estarei sempre atenta as melhores oportunidades para o Palmeiras".

Assim como declarou a recém-empossada presidente do Palmeiras, o diretor de direitos esportivos da Globo - Fernando Manuel declarou o seguinte:

"Celebramos novo acordo com o Palmeiras, desta vez relativo aos direitos de TV fechada da Série A. Logicamente, é motivo de grande satisfação fortalecer os laços com o clube, consolidando ainda mais o modelo coletivo implementado para este ciclo, com vigência até 2024".

O Palmeiras assim integrará o grupo 40-30-30, onde estão todos os demais times da primeira divisão do futebol brasileiro, no qual o valor dedicado pela transmissão na TV fechada é dividido aos competidores da seguinte forma:

  • 40% iguais para todos
  • 30% conforme número de transmissões
  • 30% de acordo com posição na tabela

Antes o valor de R$ 500 milhões pagos desde 2019, passou para 2022 a R$ 600 milhões - conforme correção inflacionária.

Expectativa do Palmeiras

O Palmeiras tem a expectativa de repasse entre R$ 45 milhões a R$ 50 milhões por ano deste valor acima citado. Obviamente que isso dependerá de quantos jogos seus será transmitido ao vivo pelo Sportv e de sua posição na tabela de classificação.