Gesto contra o racismo, gol e entrevista irreverente: a noite mágica de Deyverson diante do Cruzeiro

O Cuiabá bateu o Cruzeiro por 1 x 0, na Arena do Jacaré, e deixou o Z-4 do Campeonato Brasileiro no encerramento da 7ª rodada. E o grande destaque da partida foi o atacante Deyverson, que além do gol marcado deu mais uma entrevista com a chancela “Deyverson de ser”, e também prestou um lindo gesto anti-racismo.

Deyverson se pronuncia sobre o racismo sofrido por Vinicius Jr

No intervalo da partida entre Cruzeiro x Cuiabá, o atacante em entrevista para o Sportv prestou apoio ao atacante brasileiro do Real Madrid e condenou os atos de discriminação por parte da torcida do Valencia, durante confronto no último domingo pelo Campeonato Espanhol.

Queria falar algo que não tem a ver com o jogo de hoje. O Vini Jr passou por um momento muito complicado na Espanha. Muita força pra ele, que Deus abençoe ele. Está fazendo um grande campeonato pelo Real Madrid. É um cara que tenho grande carinho. Racismo é uma coisa muito feia, não tem que existir. Muita força ao Vinícius Junior” falou Deyverson.

Além disso, antes do início da partida, o camisa 16 do Dourado fez o punho cerrado, num ato importantíssimo de solidariedade, carinho e apoio na luta contra o racismo.

Amor e ódio

Também durante a entrevista, Deyverson questionou os xingamentos dirigidos a ele pela torcida cruzeirense, protagonizando mais uma dos milhares de falas irreverentes do atleta.

 “Primeiramente agradecer a Deus pelo gol. Os caras (torcedores do Cruzeiro) me insultaram, é muito feio esses xingamentos, filho da put*, palavrão é feio. Tem crianças aqui vendo futebol”, desabafou o jogador.

Após falar com a reportagem do SporTV, Deyverson foi em direção ao alambrado, conversou com alguns torcedores celestes e saiu aplaudidos pelos adversários.

Atuação marcante e três pontos garantidos

O centroavante marcou o gol do Dourado contra o clube mineiro aos 36 minutos da primeira etapa. De cabeça, ele completou cruzamento de Fernando Sobral e balançou a rede pela primeira vez neste Brasileirão.

O resultado tirou o Cuiabá da zona de rebaixamento, que agora ocupa a 14ª colocação, com sete pontos.

Raphael Almeida Raphael Almeida

Jornalista 33 anos. Atualmente sou repórter e comentarista na Web Rádio Bate Fundo Esportivo. Redator no portal Minha Torcida com passagens por Premier League Brasil e Futebol na Veia.