Veja quem são os 10 maiores artilheiros da história do Internacional

Nesta matéria falaremos hoje de um dos maiores clubes do Brasil, um dos mais vencedores nos últimos anos. Com duas Libertadores e um Mundial de Clubes, conquistados em 2006 e 2010 e mais três Brasileirões, erguidos na década de 70.

Com o sucesso nos últimos anos, é claro que alguns jogadores se destacaram. Assim, confira os maiores artilheiros da história do Internacional.

Os maiores artilheiros da história do Internacional

10 – Leandro Damião (109 gols)

É o único jogador da lista que atuou pelo Internacional no século XXI. Passou pelas categorias de base do Colorado em 2009 e esteve no profissional pela primeira vez em 2010. Com duas passagens, a primeira de 2010 a 2013, foi campeão da Libertadores. Voltou em 2017, ajudando na campanha da Série B e ficou até 2018.

9 – Jair (117 gols)

Esteve no Internacional entre 1974 e 1981, no que foi uma das épocas mais vitoriosas do time gaúcho. No cenário nacional, foi campeão brasileiro três vezes, em 1975, 1976 e 1979. Mas também conquistou o Gauchão quatro vezes, de 1974 até 1976 e em 1978. Foi apelidado de Príncipe Jajá enquanto estava no Colorado.

8 – Ivo Diogo (118 gols)

Defendeu as cores do Internacional de 1955 até 1960. Foi artilheiro do Gauchão, em 1960, com 19 gols feitos. Mas conquistou a taça do estadual somente em 1955 pelo Colorado. Ao sair do Inter, chegou a defender o Newell's Old Boys e San Lorenzo.

7 – Villalba (153 gols)

O argentino passou pelo futebol brasileiro jogando em alguns times. Mas seu maior sucesso foi no Clube do Povo. Teve duas passagens pelo internacional, participando do time que foi chamado de Rolo Compressor. De 1941 até 1944 e de 1946 até 1949, o atacante foi campeão várias vezes pelo Colorado. As conquistas mais importantes foram no Gauchão, em 1941, 1942, 1943, 1947 e 1948.

6 – Tesourinha (178 gols)

Outro jogador que esteve presente no Rolo Compressor Colorado, Tesourinha jogou pelo clube entre 1939 e 1949. Ajudando a tornar o Inter da época imbatível, foi hexacampeão gaúcho, em 1940, 1941, 1942, 1943, 1944 e 1945. Também conquistou o Gauchão em 1947 e 1948 e o Citadino de Porto Alegre oito vezes. Enquanto jogava pelo Inter, também foi para a Seleção Brasileira, sendo eleito o melhor jogador da Copa América em 1945 e 1949.

5 – Larry (180 gols)

Larry Pinto de Faria só defendeu dois clubes em sua carreira como jogador profissional de futebol. Antes de defender o Internacional, ele jogou pelo Fluminense até se transferir para Porto Alegre, em 1954. Logo em sua primeira temporada no clube gaúcho, ajudou o time a conquistar o Gauchão daquele ano e a partir de então foi apelidado de “Cerebral Larry”. Mesmo ocupando a quinta colocação neste “ranking”, ele é até hoje lembrado por sua classe e estilo de jogo.

4  – Valdomiro (192 gols)

Valdomiro Vaz Franco não contou com tanto apoio fora dos gramados no início de sua carreira, no ano de 1965. Tendo iniciado pelo Comerciário, o mesmo era vaiado toda vez que entrava em campo. Por sua persistência, em 1967 finalmente chegou ao Beira-Rio. Excelente cobrador de faltas, foi dele o passe para Dom Elias Figueroa marcar o “gol iluminado” do Beira-Rio, na final do Brasileirão de 1975, diante do Cruzeiro. Esse gol esse que daria o primeiro título nacional ao clube gaúcho.

3 – Claudiomiro (210 gols)

Responsável pelo primeiro gol marcado no Beira-Rio, na estreia do estádio em 1969, diante do Benfica, de Portugal, na vitória por 2 a 1. Ele chegou ao posto de terceiro maior artilheiro do Sport Club Internacional. No entanto, sem ter uma forma física ideal, o mesmo acabou se afastando do elenco principal, até ser transferido para o Botafogo, no ano de 1975. Pelo clube gaúcho ele conquistou seis campeonatos estaduais.

2 – Bodinho (244 gols)

Bodinho iniciou sua carreira como jogador profissional pelo Íbis, em 1943 e em 1951. Iniciava então o sucesso que durariam sete temporadas. O Internacional foi seu último clube profissional e mesmo assim, até hoje, ocupa a segunda colocação neste ranking dos maiores artilheiros do colorado, onde anotou 244 gols com a camisa vermelha e branca.

1 – Carlitos (485 gols)

Carlitos, nascido em 1921, teria início em sua carreira como jogador de futebol, no ano 1939. Pelo time vermelho e branco do sul do país, ele entrou em campo por 384 partidas, entre os anos de 1939 a 1951. O mesmo jamais perdeu uma cobrança de pênalti, levantando 10 vezes a taça de Campeão Gaúcho. Foi também o maior goleador em GreNais.

Raphael Almeida Raphael Almeida

Jornalista 33 anos. Atualmente sou repórter e comentarista na Web Rádio Bate Fundo Esportivo. Redator no portal Minha Torcida com passagens por Premier League Brasil e Futebol na Veia.