Só agora? Sim! Edmundo é mais um ex-jogador a entrar com processo junto a Justiça contra a Electronic Arts - produtora do game de futebol - FIFA. O ex-atleta e hoje comentarista esportivo alega uso indevido de imagem por parte da produtora de jogos de videogame.

De acordo com informações do site UOL, o comentarista e seu advogado alegam uso de imagem sem autorização e pedem uma indenização de R$ 180 mil referente aos anos de 2007, 2008 e 2009. Os mesmos ainda argumentam que a produtora teria lucrado cerca de R$ 26,5 bilhões em 2018 - com as vendas do FIFA 18.

Edmundo - imagem: internet
Edmundo - imagem: internet

Para justificar tal medida, o advogado do ex-jogador de futebol declarou o seguinte:

"O fato é que o lucro obtido às custas da utilização indevida da imagem dos atletas não chegam a seus protagonistas do game. Justamente por isso, reside aqui o núcleo da presente ação. O autor não foi pago pela utilização de sua imagem em nenhum dos anos que os jogos foram comercializados e merece, portanto, ser indenizado", conta ele.

Com tal medida, Edmundo se torna mais um jogador brasileiro a acionar a EA Sports na justiça ao longo dos anos pelo uso de imagens indevidas. Lembrando que esse é apenas mais um, dos tantos processos sob a mesma alegação em nosso país contra tal produtora de jogos para videogame.