Em duelo diante do Internacional, no último domingo, onde o Flamengo deixou o Maracanã com uma pesada derrota por 4 a 0, minutos antes Gabigol deixaria o campo expulso pelo árbitro Paulo Roberto Alves Junior; na saída do gramado, o atacante flamenguista foi flagrado proferindo as seguintes palavras: "Isso é uma piada! Por isso que o futebol brasileiro é essa várzea".

Por conta da expulsão, após tomar dois cartões amarelos e consequentemente o vermelho; além do árbitro justificar em súmula que a expulsão do jogador do Flamengo se deu após advertências, com sequência por bater palmas de forma irônica por diversas vezes, em direção ao árbitro e assim tomar o segundo cartão amarelo e o vermelho em consequência, Gabigol ainda será denunciado por "falta de respeito" ao time adversário.

Segundo o site Uol Esporte que entrou em contato com o Procurador-Geral do STJD - Ronaldo Botelho Piacente, ouviu desse que a atitude do flamenguista é vista como falta de respeito e, desta forma, a entidade analisará a situação do jogador.

"Para a Procuradoria, isso é considerado como uma forma desrespeitosa. Não chega a uma ofensa moral, que é quando chama de ladrão ou diz que está favorecendo o time contrário. O Tribunal irá analisar se ele é reincidente ou não. Dependendo do caso, a pena poderá ser maior ou menor", declarou Piacente.

Lembramos que no momento da expulsão do atacante do Flamengo, o jogo em questão já estava 3 a 0 para o Internacional, donde foi neste momento que Gabigol chutou a bola para longe enquanto o goleiro do time gaúcho era atendido, levando por essa atitude o primeiro cartão amarelo.

Insatisfeito, Gabigol seguiu reclamando e ironizou a atitude do árbitro com palmas. De costas, Paulo Roberto Alves Junior foi avisado pelo quarto árbitro, optando então por expulsar o jogador do campo.

Enquanto não se tem nenhuma decisão do Tribunal quanto ao assunto, Gabigol deverá cumprir somente suspensão automática diante do Sport, no próximo final de semana, em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Flamengo em campo

Antes de voltar ao Brasileirão, o Rubro-Negro nesta quarta-feira encara o Olímpia, pela primeira partida das quartas de final, no Paraguai, a partir das 19h15 (de Brasília), no Estádio Manuel Ferreira.