A FIA em resposta a invasão russa a Ucrânia desde a última quinta - 24 de fevereiro, anunciou nesta sexta-feira o cancelamento do GP da Rússia de F1 na temporada 2022.

Através de um comunicado, a entidade responsável pela Fórmula 1 declarou que observa os desdobramentos no Leste Europeu com "tristeza e choque", apontando o esporte como um meio unificador e por esse motivo a razão de sua atitude.

O GP da Rússia estava marcado no calendário de provas da F1 em 2022 para o dia 25 de setembro, onde por hora não tem nenhuma outra que possa vir a substituí-la, porém, há fortes indícios que o GP da Turquia possa ocupar a data em questão.

GP da Rússia de F1

O Grande Prêmio de F1 da Rússia está presente no calendário permanente da categoria desde 2014, onde o mesmo é realizado no Circuito de Sochi, que fica a 1.600 quilômetros da capital Moscou e a 700 quilômetros das fronteiras ucranianas.

O cancelamento do GP da Rússia segue uma resolução da UEFA, que retirou a cidade russa de São Petersburgo da final da Champions League - temporada 2021/2022, passando essa para Paris - na França como nova sede.

Vale salientar que no dia que sucedeu o início dos ataques russos a Ucrânia, já contava com posicionamentos de pilotos da F1 contra a realização do GP da Rússia neste ano; Sebastian Vettel e Max Verstappen estão entre eles.

Além desses, a equipe inglesa McLaren também apoiou o cancelamento da etapa russa. Conforme ela destaca em sua conta oficial no Twitter:

"McLaren Racing apoia totalmente a F1 e a decisão da FIA de remover o GP da Rússia do calendário de corridas de 2022".

Por sua vez, Mazepin, único piloto russo no grid de largada da Fórmula 1 usou suas redes sociais para comentar sobre os últimos acontecimento, onde esse declarou:

"Aos meus fãs e seguidores, é um momento difícil e não tenho controle sobre muito do que estão sendo dito e feito. Estou escolhendo focar no que POSSO controlar trabalhando duro e fazendo o meu melhor para a minha equipe. Meus mais profundos agradecimentos por sua compreensão e apoio".

Temporada 2022 da F1

Enquanto a FIA e a própria categoria anuncia o cancelamento do GP da Rússia do calendário 2022 da F1, a própria seguiu nesta sexta-feira (25) com os últimos testes da primeira etapa da pré-temporada no Circuito da Catalunha, em Barcelona - na Espanha.

Nos dias 10 a 12 deste mês iniciam a segunda etapa desta pré-temporada, no Circuito do Bahrein, que sediará o primeiro GP de 2022, no dia 20 de março.