Fernandinho, ex-Manchester City, vai jogar no Athlético-PR

O meio-campista Fernandinho, de 36 anos, que marcou época no Manchester City, é o novo reforço do Atlhético-PR. O atleta chegou em Curitiba na manhã do último domingo (26), onde vai assinar com o Furacão até o final de 2024. No entanto, ainda tem contrato com o clube inglês até quinta-feira (30) e tem que esperar para assinar contrato.

Dessa forma, o presidente Mauro Ceuso Pedraglia, do CAP, conduziu as negociações com o jogador. Além disso, Fernandinho poderá atuar com a camisa Rubro-Negra a partir do dia 18 de julho, que é quando abre a janela de transferências.  Assim, recusou propostas de outros clubes do futebol brasileiro e também de clubes do Oriente Médio. Ele sempre demonstrou muita vontade em estar novamente na terra natal.

 PSTC e CAP

Antes de mais nada, Fernandinho é um dos brasileiros que mais ganharam títulos na história do futebol. Ao todo, o jogador já conquistou 29 títulos coletivos no meio do futebol. A saber, ingressou no futebol profissional atuando justamente na equipe paranaense aos 17 anos. Porém, aos 13, foi da base do PSTC  (centro de treinamento especializado em categorias de base e formação de atletas profissionais de Londrina), em 1999.

Shakhtar e City

No ano de 2000, chegou à base do CAP onde se profissionalizou. Além disso, foi promovido em 2003 por Oswaldo Alvarez (Vadão). Fez 83 partidas pelo clube, marcando 14 gols, antes de passar para ucraniano lado Shakhtar Donetsk para uma taxa de cerca de £ 7 milhões (R$ 38 milhões). Pelo clube ucraniano, conquistou seis campeonatos e quatro Copas da Ucrânia. Pelo time, Fernandinho disputou 284 jogos, marcando 53 gols.

Pelo lado azul da cidade, é um ídolo. Começou como uma aposta, em 2013. Mas, logo virou titular incontestável do Manchester City. Entre seus títulos, cinco Premier League, seis Copas da Liga Inglesa, uma Supercopa da Inglaterra e uma Copa Nacional. Elogiado por muitos torcedores Cityzens e por Pep Guardiola, marcou época no Etihard Stadium.

Seleção

Por fim, também jogou com a camisa da seleção brasileira. Durante a Copa do Mundo da Rússia, em 2018, foi bastante criticado por fazer um gol contra no jogo diante da Bélgica. Em resumo, valeu pelas quartas de finais e terminou 2 x 1 para os Belgas. Todavia, fez parte da equipe campeã da Copa América de 2019.

Foto Destaque: AFP

Sou Caio, tenho 23 anos, faço jornalismo. Procuro me especializar em Jornalismo Esportivo e meu maior sonho é comentar uma Copa do Mundo