Espanha e Portugal oficializaram nesta quinta-feira - 03 de junho, a candidatura dupla para sediarem a Copa do Mundo de 2030, onde os dois países hastearam as bandeiras de suas seleções em estádios de ambas as regiões, firmando com isso o acordo que será sacramentado nesta sexta-feira.

A formalização desta candidatura unida de Espanha e Portugal se dará minutos antes do confronto entre as duas seleções, no amistoso a ser realizado no Estádio Wanda Metropolitano; confronto esse que marcará os 100 desse clássico.

Neste mesmo jogo, além dos dirigentes das duas seleções, estarão presentes o presidente espanhol - Pedro Sánchez, e o primeiro-ministro português - Antônio Costa.

Com a união, Espanha e Portugal acreditam serem os grandes favoritos na escolha da sede para a Copa do Mundo de 2030.

Lembrando que as federações nacionais receberão o apoio institucional dos mais altos representantes de ambos os países para a organização da candidatura de Espanha e Portugal para o Mundial de 2030, como destacou a Real Federação Espanhola de Futebol.

"Este amistoso será o início de um projeto que unirá espanhóis e portugueses na escolha de sediar a Copa do Mundo", declarou o presidente da RFEF - Luís Rubiales que completou dizendo:

"A Real Federação Espanhola de Futebol e a Federação Portuguesa de Futebol vão tornar visível a força desta candidatura no ato anterior ao jogo entre as duas seleções, cem anos após o seu primeiro confronto, em Madrid", finalizou Rubiales.

Amistoso Internacional - Espanha x Portugal

Espanha e Portugal se encaram em partida amistosa nesta sexta-feira - 04 de junho, às 14h30, no Estádio Wanda Metropolitano - em Madrid (casa do Atlético de Madrid).