Será uma abertura para o retorno de Róger Machado a Arena Pituaçu ou realmente o Bahia irá atrás de outro nome para comandar o time na sequência do Brasileirão 2021.

Com Róger Machado a perigo no Fluminense, donde se não vencer no jogo deste meio de semana pela Libertadores corre sério risco de ser demitido, o Bahia anunciou nesta terça-feira-17 a demissão de Dado Cavalcanti do comando técnico da equipe principal.

A informação foi dada através de uma nota oficial emitida pelo clube baiano nesta manhã, onde o mesmo comunicou o fim da parceria entre as partes iniciada em dezembro do ano passado.

Com derrota na rodada passada frente ao Atlético-GO, por 2 a 1, em pleno Pituaçu, Dado Cavalcanti que já vinha balançando no cargo foi comunicado de seu desligamento ainda na noite desta última segunda-feira; o profissional em questão deixa o Bahia com um aproveitamento de 48,3%, com 51 jogos, sendo desses: 21 vitórias, 11 empates e 19 derrotas.

Campeão da Copa do Nordeste, o Bahia que chegou a figurar no G4 do Brasileirão no início da temporada, atualmente ocupa a 13ª colocação, com 18 pontos, estando ele a três pontos da zona de rebaixamento.

Prováveis substitutos

Até o momento a direção do Bahia não informou nenhum possível nome para substituir o técnico demitido nesta terça-feira, porém, um nome que pode vir a aparecer com força é de um velho conhecido dos torcedores baiano; aqui nos referimos a Róger Machado, que atualmente encontra-se empregado, mas corre sério risco de ser demitido do Fluminense caso não consiga avançar de fase na Libertadores, no meio desta semana.

Aguardemos os próximos movimentos do mercado da bola e principalmente com relação aos treinadores.