Corinthians vence concorrência da Europa e compra Giovane

Na última terça-feira (12), o Corinthians encerrou uma importante negociação. De fato, o atacante Giovane atuava no clube desde o ano passado, sendo destaque do sub-20 do Timão.

No entanto, o atleta tinha contrato com o Capivariano, sendo emprestado ao Corinthians. Porém, o Timão tinha a prioridade de compra do jovem jogador.

Em suma, o vínculo de Giovane com o Corinthians teria fim nesta quarta-feira (13), porém, como os dois times conversavam, foi prorrogado até o dia 27 de julho. No entanto, o atleta já assinou o novo contrato com o clube. Agora, o atacante de apenas 18 anos fica no Timão até julho de 2025.

Por sua vez, o Corinthians só deve registrar de fato o contrato no final do mês. Porém, no Boletim Diário Informativo (BID), a atualização contratual de Giovane já está públicada.

Giovane começou sua carreira pelo Red Bull Brasil. Contudo, problemas pessoais o fizeram sair do clube. No entanto, chegou ao Capivariano no começo de 2021, reiniciando sua trajetória como atleta.

Rapidamente, suas boas atuações colocaram o jogador no time profissional da equipe de Capivari. Logo, chamou a atenção do Corinthians, chegando na equipe da capital de São Paulo em Julho do último nao.

Corinthians venceu forte disputada pelo jogador

De fato, as boas atuações na categoria de base do Timão, e sua precoce participação no plantel de Vitor Pereira chamam a atenção. No entanto, não somente do Corinthians.

Antes do acerto com o clube do Parque São Jorge, Giovane recebeu propostas e sondagens de clubes da Europa e do Brasil. Segundo a reportagem da TNT Sports, o Feyenoord-HOL, o Norwich City-ING e um time francês não revelado estiveram entre os favoritos para contratar o jogador.

Contudo, a relação amistosa entre o Corinthians e o empresário do jogador, Rafael Brandino, fez com que a prioridade fosse o Timão. De acordo com o representante em declaração ao TNT Sports, Giovane só iria para outro clube caso o time paulista não exercesse sua prioridade de compra.

“Houve, também, proposta no Brasil, mas nunca cogitamos outro clube a não ser o Corinthians. Se não fosse pra ficar no Corinthians,  teríamos ido pra fora do Brasil”

Dessa forma, o Timão pagou R$ 3 milhões por 65% dos direitos federativos do jogador. Os outros 35% ficaram com o clube do interior de São Paulo.

Segundo a ESPN Brasil, o Corinthians pagou R$ 200 mil nesta segunda-feira (11), e mais R$ 300 mil na terça-feira (12) pela trasnferência definitiva de Giovane. O restante do pagamento será feito de maneira parcelada.

Olá. Formado em Jornalismo pela Universidade Nove de Julho, buscando levar minha redação com a emoção e paixão que o esporte merece. Vivo falando sobre desportes dos mais variados, em [...]