Com a classificação garantida de forma direta a próxima edição da Libertadores, o Timão que passou um ano se reformulando e controlando as contas, olha para 2022 com planos mais ambiciosos.

De volta à competição sul-americana, o Corinthians sonha em voltar a brigar por títulos e para isso entende que será preciso encorpar mais o elenco.

Em discussões paralelas entre direção e comissão técnica, entende-se que o Corinthians conta atualmente com um bom plantel, onde mescla experiência e juventude, porém, para competições continentais, será preciso reforçar ainda mais a equipe, principalmente em posições vistas como carentes.

Entre esses possíveis reforços está um velho conhecido dos torcedores corintianos, aqui falamos do volante Paulinho, que já teria um acordo verbal para retornar ao clube alvinegro, donde foi campeão da Libertadores e do Mundial em 2012.

Paulinho que está livre no mercado, aos 33 anos é visto como um negócio de ocasião, apesar do meio de campo ser uma das posições mais concorridas do elenco atualmente.

Por outro lado, um dos setores mais carentes no Corinthians é o ataque, onde a direção deverá ir atrás de um novo camisa 9; assim como também na defesa, onde o técnico Sylvinho conta apenas com Gil, João Vitor e Raul Gustavo, devendo ir ao mercado neste setor, uma vez que não sabe de o Internacional não fará valer a opção de compra de Bruno Méndez, que está emprestado ao time gaúcho até a metade de 2022.

Possíveis saídas

Mesmo buscando reforçar o elenco para a próxima temporada, o Corinthians também deve ter saídas, uma vez que futuras vendas serão necessárias para o equilíbrio das contas do clube.