Copa do Mundo no Catar traz a união dos povos árabes

A Copa do Mundo sempre traz uma sensação diferente paras os apaixonados por futebol. Assim, pela primeira vez sediada em uma país árabe, a união de povos locais chamou a atenção no Oriente Médio. Acompanhe as histórias dos torcedores que estão se reunindo dentro e fora de campo.

“Eu não via minha mãe há sete anos e minha irmã há onze. Mas, com a Copa sendo próxima, pude pegar férias e me reencontrar com eles. Quando não vamos nos estádios, realizamos um almoço com todos juntos, é muito legal. Espero que esse ambiente se mantenham fora desse evento”, comentou uma cidadã catari.

Copa do Mundo unifica mundo árabe

Consequentemente, o Catar é uma região nova e com pouca população. Cerca de 2 832 000 pessoas moram no país e em grande maioria são estrangeiros. A religião oficia do local que é predominante o islamismo causa também um desarranjo com outros povos.

Contudo, países como: Catar, Irã e Arábia Saudita se mostram mais unidos nas ruas de Doha. Isso também está acontecendo com seleções africanas, trazendo união entre os povos pelo menos por um mês.

“Aqui é a união árabe, todos os povos da região estão presentes. Hoje sou marroquino, há alguns dias, quando venceram a Argentina, era saudita, e amanhã talvez seja tunisiano”, disse uma torcedora de Marrocos. 

Até mesmo países que não se classificaram para a Copa estão presentes, esse é o caso do Kuwait, Paquistão, Líbano, Omã, Índia e Egito. Isso se dá pois existem muitos fãs de futebol nessa região, tendo poucas vezes de ver Mbappé, Cristiano Ronaldo, Messi e Neymar de tão perto.

“Terremoto, terremoto, nossas saudações a todo o mundo árabe”, esse foi um coro uníssono na vitória de Marrocos contra a Bélgica, na 2ª rodada da Copa do Mundo.

Nesta fase de mata-mata será possível ver nos estádios, diversas nacionalidades torcendo juntas para Coréia do Sul, Senegal, Marrocos, Austrália e Japão. Essa parte do campeonato se inicia a partir deste sábado (3). 

Foto Destaque: Divulgação / FIFA World Cup

Bruno GabrielBruno Gabriel

Olá, meu nome é Bruno Gabriel, tenho 22 anos e estudo Jornalismo na Universidade Metodista de São Paulo. Pretendo seguir na área de esportes, é um sonho desde criança. Espero alcançar os maiores eventos esportivos com muita criatividade e bom humor.