Sem brasileiros, a FIFA anunciou nesta terça-feira - 18 de janeiro os trios de arbitragem que irão atuar no Mundial de Clubes, no próximo mês, nos Emirados Árabes Unidos.

Como representante sul-americano, teremos o argentino Fernando Rapallini, de 43 anos, que apitou jogos da última Eurocopa.

Lembramos que em 2020, o Brasil teve Edina Alves - árbitra como representante; além dele também fora chamada a auxiliar Neuza Brack. Elas foram às primeiras mulheres em uma competição adulta masculina da FIFA.

Estreia do Palmeiras no Mundial de Clubes

O Verdão, representante sul-americano e brasileiro no Mundial de Clubes da FIFA - 2021, fará sua estreia no dia 08 de fevereiro, diante do vencedor do duelo entre o campeão africano Al Ahly e ou o campeão da Liga dos Campeões da Concacaf, o Monterrey - do México.

Por sua vez, o Chelsea, representante europeu entra em campo no dia seguinte, diante do vencedor entre Al Hilal, Al Jazira ou AS Pirae.

A decisão do Mundial de Clubes da FIFA ocorrerá no dia 12 de fevereiro.

Confira os trios de arbitragem para o Mundial da FIFA

  • Chris Beath, Anton Shchetinin e Ashley Beecham (Austrália)
  • Mustapha Ghorbal, Mokrane Gouarari e Adbelhak Etchiali (Argélia)
  • Cesar Ramos, Alberto Morin e Miguel Hernandez (México)
  • Fernando Rapallini, Juan Pablo Belatti e Diego Bonfa (Argentina)
  • Clement Turpin, Nicolas Danos e Cyril Gringore (França)

Árbitro reserva:

  • David Yareboinen (Papua-Nova Guiné)

Árbitros de Vídeo (VAR)

  • Ammar Aljeneibi (EAU)
  • Drew Fischer (Canadá)
  • Nicolas Gallo (Colômbia)
  • Mauro Vigliano (Argentina)
  • Willy Delajod (França)
  • Massimiliano Irrati (Itália)
  • Paulus van Boekel (Holanda)