Já na primeira rodada, tivemos a primeira demissão entre os técnicos da 1ª divisão do Campeonato Brasileiro. Alberto Valentim, que vivia grande momento no Cuiabá, inclusive com a conquista do campeonato estadual, foi demitido depois do empate com o Juventude, em casa, no último sábado (29), pelo placar de 2x2 na abertura da competição.

Logo após o fim do jogo, e principalmente depois do anúncio oficial da saída do técnico, sugiram diversos boatos nas redes sociais, o acusando inclusive de ter tido um relacionamento com a esposa do presidente do clube mato-grossense. Oficialmente, o Cuiabá se pronunciou se dizendo "lamentável as inverdades publicadas nas redes sociais sobre brigas no vestiário", mas não citou sobre o treinador. Confira na íntegra a nota abaixo:

"Nota oficial

O Cuiabá lamenta as inverdades que estão circulando nas redes sociais de uma suposta discussão no vestiário após o empate contra o Juventude, entre a diretoria, um atleta e o ex-treinador Alberto Valentim. O Cuiabá afirma que nada ocorreu.

Apesar da saída de Valentim, o clima no vestiário era de tranquilidade sendo que nenhum tipo de discussão aconteceu. A diretoria não entrou no vestiário após o término da partida." diz a nota.

Alberto Valentim se pronunciou oficialmente sobre o caso

Através de uma de suas redes sociais, o técnico Alberto Valentim se pronunciou, no último domingo (30), sobre a situação. Segundo ele, os boatos são "absurdos", e prometeu tomar medidas judiciais sobre os assuntos. O comunicado diz:

"Ainda sobre os absurdos que vêm sendo veiculados (Fake News), relacionados à minha vida pessoal, todo o meu desprezo e reafirmo que essas inverdades já foram repassadas à minha equipe de advogados para tomarmos as medidas cabíveis. Lamento muito a falta de respeito com minha família e esposa, quem me acompanha e gosta de mim e quem sabe da seriedade do meu trabalho.

Em primeiro lugar, deixo claro que minha saída do Cuiabá, de forma invicta, não teve relação com nenhum dos fatos que estão sendo veiculados e me pronunciarei sobre isso no início da semana. Não houve, a despeito do que vem sendo publicado, nenhum tipo de desentendimento entre algum atleta do time e eu. Jogadores esses que sempre nos ajudaram a fazer o melhor todos os dias e que demonstraram muita tristeza com minha saída", completou.

Alberto Valentim vinha tendo ótimo desempenho pelo Cuiabá. Entretanto, o time foi eliminado pelo 4 de julho, de forma precoce, na Copa do Brasil, e teve dificuldades para bater o Operario na final do estadual. Luiz Fernando Lubel, auxiliar fixo do clube, assume interinamente. Ele iniciou a temporada comandando o time antes da chegada de Valentim.