Novela chegando ao final; volante Guarín está a caminho do Rio de Janeiro ao lado de seu empresário - Marcelo Ferreyra e mesmo faltando alguns detalhes a serem acertados, a expectativa é que o jogador assine contrato por dois anos com o Vasco. Na manhã desta quarta-feira, o jogador postou um voto dentro de um avião para avisar que está chegando.

Nesta última terça-feira, o presidente do Vasco - Alexandre Campello explicou que pediu para que Guarín e seu empresário viessem ao Rio para facilitar o desfecho da negociação. O jogador deve marcar presença em São Januário, no dia de hoje, na partida contra o Oriente Petrolero pela Copa Sul-Americana.

"Eu sugeri que ele viesse. Nós já avançamos nas conversas. A diferença não era tão grande. Ficar falando por telefone não é bom. Às vezes num papo direto, cara a cara, a gente consegue resolver melhor. Então eu sugeri que eles viessem ao Brasil para gente sentar e conversar", declarou Campello.

Em um "contratempo" sobre tempo de contrato, onde o Vasco oferecia um e a parte de Guarín pedia dois, parece que tudo foi resolvido, faltando agora debater descontos referentes a impostos. Tal ponto também deve ser superado.