O treinador uruguaio - Diego Aguirre, ex-Inter, São Paulo e Atlético-MG está atualmente desempregado. O profissional que estava comandando o Al Rayyan - do Catar desde junho de 2019, pediu demissão por razões pessoais e deixou o clube nesta última terça-feira.

"No dia de hoje tomei por iniciativa interromper a minha passagem no Al Rayyan, por escolhas pessoais. Desejo sucesso ao time em sua sequência! Não foi uma decisão simples de tomar, mas fui muito feliz em meu retorno a esse país, que sempre me acolheu como um dos seus. Tenho a certeza que o clube estará em boas mãos e estou ansioso para anunciar os meus próximos passos em breve", destacou o técnico.

Aos 55 anos, Aguirre é cotado para assumir o comandando técnico do Peñarol assim que o clube escolher o seu novo presidente, no próximo dia 05 de dezembro e um desses candidatos o tem como seu treinador preferencial para assumir a função no time uruguaio.

Al Rayyan - técnico eleito como o melhor da temporada 2019/2020

Pelo clube do Catar, o profissional que já contava com uma passagem anterior, nesta última comandou o Al Rayyan em 35 partidas, com 18 vitórias, 9 empates e 8 derrotas neste período, onde ainda conquistou o vice-campeonato nacional e foi eleito o melhor técnico da Liga Nacional do Catar na temporada passada, levando sua equipe as semifinais da Copa do Príncipe.

Clubes brasileiros

Além de ser um dos favoritos a assumir o comandando técnico do Peñarol em caso de vitória do candidato a presidência do clube - Juan Pedro Damiani, o mesmo também é seguidamente cotado em clubes brasileiro, por onde conta com passagem pelo Internacional, Atlético-MG e São Paulo. O último clube do Brasil a procurá-lo foi o Vasco da Gama, em abril do último ano, após demitir Alberto Valentim, porém, o uruguaio na época não aceitou o convite, pois já havia acertado com o Al Rayyan.