Parece que o desejo de Antonio Conte pode estar próximo de se concretizar, segundo as últimas informações vindas da Itália. De acordo com o jornal italiano "La Gazzetta dello Sport", a Inter de Milão andou consultando a disponibilidade do treinador para a próxima temporada, no entanto, o técnico não abre mão de um salário de 10 milhões de euros por ano.

Quando demitido do Chelsea, na última temporada, o treinador posteriormente chegou a ser sondado por outras equipes do Velho Continente (entre elas o Manchester United), porém, o mesmo declarou que desejava comandar uma equipe dentro de seu país de origem e esse seu desejo pode estar próximo de ser concretizado, entretanto, para que isso possa se tornar realidade as partes terão que primeiramente se acertarem.

Ainda segundo as informações do diário italiano acima citado, Conte não tem interesse em voltar a dirigir uma equipe de futebol se não for para receber o mesmo salário que recebia na época em que comandava os "Blues". Caso esse valor seja a ele oferecido pela Internazionale, o treinador não descarta a possibilidade de voltar a trabalhar como tal, o que o tornaria o comandante técnico mais bem pago da Serie A, superando assim Massimiliano Allegri - da Juventus.

Ainda de quebra, se chegasse a ser confirmado como o comandante da Inter de Milão, Conte poderia reeditar a dobradinha com o atual conselheiro do clube italiano - Beppe Marotta, que era um dos diretores da Juventus quando o mesmo era treinador da equipe de Turim. Lembramos que a Juventus chegou a procurar Conte para comandar novamente a sua equipe, mas devido ao bom momento de Allegri na Velha Senhora, as negociações esfriaram.