Com Joachim Low anunciando sua saída do comando técnico da Alemanha e tendo o atual treinador do Liverpool como um dos nomes favoritos a assumir o cargo, Jurgen Klopp logo após o comunicado aqui já citado, veio a público para rechaçar qualquer possibilidade de vir a treinar a Alemanha enquanto estiver sob contrato com o clube inglês. Lembrando que o vínculo de Klopp com os "Reds" é válido até 2024.

"Eu tenho ainda três anos de contrato com o Liverpool. Quando você assina um contrato, geralmente você tenta cumpri-lo. Eu tive contrato no Mainz, onde eu fiquei mesmo com o interesse de outras equipes com mais dinheiro na Bundesliga. Eu não estou disponível para ser técnico da Alemanha, mas há tempo suficiente para encontrar um sucessor", declarou Klopp.

Favoritos ao cargo

Como todos sabem, Klopp era um dos mais cotados para assumir a Seleção da Alemanha após o término do contrato com Low, que deixará o cargo logo após a Eurocopa. Se Klopp estiver empregado até lá e realmente não aceitar qualquer convite para comandar a Alemanha, Julian Nagelsmann - do RB Leipzig ou Hansi-Flick - do Bayern de Munique surgem como possíveis candidatos.