Ponte Preta encaminha rescisão de Rodrigo

Após o episódio das "dedadas" do final de semana, pela penúltima rodada do Brasileirão, Rodrigo é dispensado dos treinos.

Por
Compartilhe

Com vínculo até dezembro de 2018, Rodrigo, zagueiro da Ponte Preta não deverá mais jogar pelo clube após o episódio do final de semana ocorrido na penúltima rodada do Brasileirão. Com uma expulsão boba, a Ponte Preta comunicou nesta última terça-feira que Rodrigo foi liberado dos treinos desta semana.

Rodrigo - zagueiro da Ponte Preta.Rodrigo - zagueiro da Ponte Preta.

“A Ponte Preta comunica que o zagueiro Rodrigo está sendo liberado dos treinos desta semana – o elenco se reapresenta amanhã, quarta-feira. A diretoria e o empresário do atleta estão definindo a situação do jogador”, comunicou a assessoria de imprensa da “Macaca”, nesta última terça à tarde.

Cena do episódio das "dedadas em Trélles" do Vitória.Cena do episódio das "dedadas em Trélles" do Vitória.

Sem se manifestar sobre a expulsão e nem pelas “dedadas” em Tréllez, Rodrigo se resguarda neste momento. A partida entre Ponte Preta e Vitória foi marcada por contornos dramáticos com a virada do time baiano, que aproveitou a vantagem de um jogador a mais para controlar a partida. Com a derrota, a Ponte Preta está matematicamente rebaixada para a Série B de 2018.

Sem clima para continuar na Ponte, Rodrigo se juntará a outros jogadores do clube que deverão ser dispensados ou voltarão a seus clubes de origem, como o caso de Fernando Bob, que pertence ao Internacional. Além de Rodrigo e Bob, Lucas, Marllon, Renato Cajá e Emerson Sheik deixarão o time da “Macaca” após a última rodada do Brasileirão.

A Ponte Preta completa tabela pela Série A no próximo domingo, às 17 horas, contra o Vasco, em São Januário, no Rio de Janeiro.

Comentários