Juninho Paulista é oficializado como novo Coordenador de Seleções pela CBF

O ex-campeão do mundo de 2002 assume o lugar que antes era ocupado por Edu Gaspar, que deixa a Seleção Brasileira e a CBF para assumir o mesmo posto no Arsenal.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Saí Edu Gaspar, entra Juninho Paulista. A Confederação Brasileira de Futebol comunicou nesta última segunda-feira o ex-jogador como o mais novo Coordenador da Seleção Brasileira - o ex-atleta assume a vaga em aberta antes ocupada por Edu Gaspar, na seleção brasileira masculina principal.

Juninho que já estava na CBF, mas em outro cargo - Diretor de Desenvolvimento do Futebol passará a trabalhar diretamente ao lado do treinador Tite, fazendo a interligação entre jogadores e treinador.

Edu Gaspar, Rogério Caboclo e Juninho Paulista.Edu Gaspar, Rogério Caboclo e Juninho Paulista.

Em suas primeiras palavras em sua nova função dentro da CBF, ele deu a seguinte declaração:

"Com uma felicidade muito grande que recebi esse convite. Agradeço a confiança do presidente, é uma responsabilidade muito grande, nós sabemos o peso da camisa amarelinha. O Edu fez um excelente trabalho juntamente com toda a comissão, vamos dar sequência a esse planejamento e trabalho que está sendo realizado, e buscando novas conquistas", declarou o ex-jogador, que foi campeão da Copa do Mundo de 2002.

O novo braço-direito do treinador Tite já está atuando como dirigente desde 2009, quando largou os gramados, sendo um dos grandes responsáveis pela reestruturação do Ituano, sendo inclusive um dos grandes responsáveis pela conquista do Campeonato Paulista pelo clube em 2014.

Já Edu Gaspar que deixa a CBF e a Seleção Brasileira para assumir a mesma função no Arsenal - da Inglaterra deu a seguinte declaração em sua despedida:

"Foram três anos incríveis como Coordenador de Seleções, com grandes experiências e amigos. Deixei tudo o que as pessoas possam imaginar em termos de comprometimento, transparência e energia para ver a Seleção da forma que está hoje. Fiz parte de uma equipe de trabalho espetacular e acredito que não existiria melhor nome para estar nesse cargo, nesse momento, do que o Juninho Paulista" finalizou Edu assim a sua passagem pela seleção e pela CBF.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal