Tite trabalha com novo sistema tático, com Arthur sendo a peça-chave

Sem contar ainda com todos os selecionáveis, Tite só poderá confirmar o novo esquema – se achar o ideal, com o decorrer dos dias - Miranda, Paquetá e Everton ainda não se apresentaram a seleção brasileira e devem chegar ao decorrer desta semana.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Sob pressão se comparado aos últimos resultados obtidos sob seu comando - aqui falando nos últimos torneios, Tite que prepara a seleção brasileira para os jogos da Copa América, trabalha um novo esquema tático com Casemiro e Arthur como titulares.

Nesta última terça-feira, os volantes se posicionaram de maneira diferente no novo esquema em que o treinador do Brasil está trabalhando - o 4-2-3-1, ao invés do 4-1-4-1; assim, Fernandinho e Allan ficaram na outra equipe.

Tite ainda não conta com todos os convocados, que devem se apresentar no decorrer desta semana - veja na matéria quem são esses.Tite ainda não conta com todos os convocados, que devem se apresentar no decorrer desta semana - veja na matéria quem são esses.

Misturados, os jogadores se enfrentaram em meio campo apenas. A alteração implantada por Tite a nossa seleção poderá parecer sutil, no entanto ele arma um sistema de maior segurança à frente da defesa, o que dá uma força maior neste setor de campo que liga ao ataque, dando com isso um equilíbrio melhor a equipe.

Nesse novo esquema, Arthur é a peça chave. A comissão técnica - aqui não falando exclusivamente de Tite, acredita que o volante do Barcelona pode ter um rendimento muito melhor se participar mais ativamente da saída de bola e não recebendo a mesma numa posição mais adiantada, como fazia até então.

Arthur é uma das peças-chave de Tite no novo esquema trabalhado na seleção.Arthur é uma das peças-chave de Tite no novo esquema trabalhado na seleção.

Ainda neste esquema, quem receberá uma atenção maior será o colega de Arthur no clube espanhol - Philippe Coutinho, que posicionado mais a frente, é o legítimo "camisa 10". Foi desta forma que ele atuou no último treino desta terça-feira.

Sem contar ainda com todos os selecionáveis, Tite só poderá confirmar o novo esquema - se achar o ideal, com o decorrer dos dias. Lembrando sempre que o Brasil terá um amistoso já no próximo dia 5 de junho, diante da seleção do Catar, em Brasília - esse será na verdade o jogo para saber se a nossa seleção estará pronta para o torneio, que iniciará no dia 14 do mesmo mês.

Miranda, Paquetá e Everton ainda não se apresentaram a seleção brasileira e devem chegar ao decorrer desta semana, se juntando ao grupo na próxima semana.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal